Pesquisar no blog

sábado, 26 de novembro de 2011

Árvore do Bem


Um dos sentimentos mais nobres que o período de Natal desperta em todos nós é a solidariedade. Valores como amor, compaixão, generosidade e fraternidade ficam mais evidentes neste momento.
Para reforçar a importância de propagar ainda mais esses valores entre as pessoas, o Shopping Benfica realiza mais uma edição do Projeto “Árvore do Bem”. A iniciativa que já está em seu 9º ano deve beneficiar aproximadamente 2,5 mil crianças carentes de 19 instituições do Estado.
Para participar é simples e fácil. Basta aceitar o convite de ser o Papai Noel de uma criança neste Natal. Nas três árvores montadas próximas a entrada principal do Shopping existem bilhetes com os pedidos de presentes. Passe no Shopping Benfica e retire um cartãozinho na Árvore do Bem, até 17 de dezembro.
No dia 20 de dezembro, uma grande festa com apresentações culturais, brincadeiras e a presença do Papai Noel junto com os voluntários desta ação, marcará a entrega dos presentes. (Com informações da Assessoria de Imprensa do Shopping Benfica) 

SERVIÇO:
SHOPPING BENFICA
End: Avenida Carapinima, 2200. Benfica.

Ministro inaugura penitenciária em Pacatuba


O governador do Estado do Ceará, Cid Gomes, o ministro da Justiça, José Eduardo Cardozo e a secretária da Justiça e Cidadania do Estado do Ceará, Mariana Lobo, inauguram nesta terça-feira, dia 29 de novembro, às 10h, a Penitenciária Francisco Hélio Viana de Araújo, em Pacatuba. Construída e equipada com o investimento de R$ 16,4 milhões, advindos do Ministério da Justiça e do Governo Estadual, a obra é a mais moderna unidade penitenciária do Ceará com equipamentos de tecnologia avançada para controle, acesso monitorado, ponto eletrônico e fotografia para agentes penitenciário, visitantes e presos.
Para a segurança da unidade estão instalados: máquina de raio-x  para objetos,  detectores de metal (portal de entrada e manual), sistema interno de monitoramento com 174 câmeras, cadeiras de identificação de presos (que permite fazer a coleta de digitais, fotos, sinais particulares, tatuagens, mutilações e voz), além do body-scanner, equipamento que gera uma imagem da estrutura orgânica e óssea de  qualquer pessoa, evidenciando irregularidades como o transporte de drogas ou armamento. A Penitenciária de Pacatuba será a primeira penitenciária do Estado e a segunda no País a possuir esse equipamento.
Em área construída de 12.554,855 m², a estrutura física é destinada a abrigar 500 presos condenados ao regime fechado na Região Metropolitana de Fortaleza, divididos em oito vivências coletivas e 20 vagas para o isolamento individual. Possui os módulos de Tratamento Penal (onde serão realizados os atendimentos jurídicos e sociais aos custodiados); de Saúde (farmácia, enfermaria, consultório médico e odontológico); Escolar (salas de aula com capacidade para 120 alunos, biblioteca e sala de informática); e Laboral (destinadas as oficinas de atividades laborais). A unidade conta também com uma cozinha industrial, uma padaria e salão polivalente para atividades sociais.
O preso que ingressar na unidade passará pelo processo de triagem avaliado por todos os setores: jurídico, psicológico, social, médico, odontológico, ensino, trabalho e disciplinar, traçando um perfil individualizado de cada interno. Este programa é o piloto para a criação do Centro de Triagem e Observação Criminológica da Secretaria da Justiça e Cidadania, projeto que passará a funcionar dentro do sistema penitenciário cearense.
Trabalho e ressocialização - A Penitenciária de Pacatuba terá o funcionamento de duas indústrias têxteis para ocupação dos encarcerados com trabalho e ainda o projeto Rádio Livre, um sistema de sonorização e programas culturais e educativos que permitem auxiliar na ressocialização do preso.
A unidade penitenciária também inaugura um novo programa de ressocialização da Sejus. Inspirado na experiência goiana, o programa Módulo de Respeito prevê a organização diferenciada dos internos, por meio de um ambiente calcado no tripé educação-trabalho-espaço de convivência. As atividades têm regime integral e serão realizadas de forma individual ou em grupos, abordando a capacidade de auto-organização, integração, atividades socioeducativas. Deste modo, o Módulo de Respeito cria um ambiente pautado no respeito mútuo, onde sua inserção se dará de forma voluntária e implicará na aceitação das normas com a distribuição de funções, organização de tarefas e mediação de conflitos.

Penitenciária Francisco Hélio Viana de Araújo - Pacatuba

Informações Gerais
Investimentos: R$ 16, 4 milhões
Origem dos recursos: Governo do Estado do Ceará, Governo Federal (Ministério da Justiça)
Capacidade: 500 internos
Área total: 12.554, 85 m²
Construtora: Duplo M Engenharia Ltda
Órgãos Executores: Secretaria da Justiça e Cidadania (Sejus) e Departamento de Arquitetura e Engenharia (DAE)



Serviço:
Inauguração da Penitenciária Francisco Hélio Viana de Araújo
Endereço: Rua João Cavalcante Filho, Sn, Pacatuba - CE
Data: Dia 29 de novembro de 2011
Horário: 10h

Informe sobre o endereço: Seguir na CE-060 até o 9º balão após a Ceasa, pegar a saída da esquerda (aproximadamente 20Km a partir da Ceasa), seguindo a placa que sinaliza “Colônia Agrícola”


Informações técnicas

Bloco Administrativo: direção, vice-direção, secretaria, banheiros, sala de reunião, sala de segurança e disciplina, sala para Rádio Livre, salas de apoio administrativo, prontuários, copa, rouparia, alojamentos, depósito, sala para material de limpeza e conservação.

Acesso: Salas de circulação, salas de vistoria feminina e masculina, sala de guarda-volumes, copa com refeitório, sala de controle dos portões, recebimento de presos (identificação), monitoramento, sala de apoio administrativo, sala de comando, guarita, recepção, estacionamento para veículos dos servidores e para polícia e viaturas.

Vivências: Celas coletivas (08 blocos com 10 celas com capacidade para 60 detentos por bloco), 20 celas individuais, sala para repouso carcerário, copa, salões polivalentes; carcereiro, 10 apartamentos para as visitas íntimas, rouparia e sala para agente.


Bloco de saúde: consultório odontológico, consultório médico, farmácia, sala de vacinas, sala de coleta de material laboratório, sala de esterilização e estocagem, sala de lavagem e descontaminação, sala de repouso de enfermeiros e profissionais da área da saúde, sala de observação, copa, sala de espera, área de circulação de detentos, rouparia, banheiros, secretaria, e sala de material de limpeza e circulação.

Atendimento psicossocial e jurídico: salas de assistência social, sala de atendimento psicológico, salas para advogados, parlatório dividido em 04 espaços reservados, salas de agente e sala de arquivo.

Ala de instruções e oficinas composta por: salas de aulas com banheiros, laboratório de informática, biblioteca, sala dos professores, salas de administração, sala de agentes, banheiros, oficina, deposito de material de limpeza, barbearia com banheiro, e deposito.

Área de serviços: refeitório, sala de distribuição, sala de higienização, depósito de material de limpeza, sala de lavagem de panelas, despensa, cozinha, câmara frigorífica, almoxarifado, vestuários masculino, recepção de controle, pátio para varal, sala de triagem de roupa, lavanderia, rouparia, tanques, deposito de farinha, padaria e banheiros.

A unidade conta ainda com uma área de subestação: 02 caixas d`água, 01 estação de tratamento de esgoto, 01 cisterna, 02 grupos geradores, 02 transformadores.
       

 
Jornalistas responsáveis: Bianca Felippsen (85-8878-8464) e Felipe Gonçalves (85-9918-2655).
Assessoria de Comunicação da Secretaria da Justiça e Cidadania
(85) 3101-2862 e ascom@sejus.ce.gov.br

Papai Noel chega aos Jardins Open Mall


Dando continuidade à sua programação especial de fim de ano, o Jardins Open Mall recebe, hoje a partir das 18h30, a visita ilustre do Papai Noel, que chegará ao shopping de uma maneira inusitada, a bordo de um Troller, e será recepcionado pelas crianças e com um show preparado pela Cia Mix da Alegria.
Este ano, além de revisitar os elementos clássicos natalinos em sua decoração, o Jardins Open Mall traz diversas atrações direcionadas ao público infantil. A noite começará no palco, com o teatro de fantoches do grupo Cia Mix da Alegria contando histórias de Natal. Em seguida será a vez de receber o Bom Velhinho, que fará um percurso de Troller pelas avenidas Dom Luís, Desembargador Moreira, Abolição, Senador Virgílio Távora e Santos Dumont, e retornará ao shopping, onde será recebido com música e se acomodará em seu trono para cumprimentar as crianças e tirar fotos.
Outra novidade idealizada pela equipe de marketing e pesquisa do Jardins Open Mall é o Correio do Papai Noel. Trata-se de uma grande caixa de correio montada na galeria para que as crianças escrevam e depositem suas cartas com seus pedidos de presentes. O objetivo é manter nos pequenos a crença nos sonhos e na magia do Natal.
O Papai Noel estará no Jardins Open Mall todos os sábados, agregando ainda mais beleza e encanto à decoração do shopping, que este ano conta com cerca de 300 mil micro-lâmpadas e vários bastões de LED instalados nas árvores naturais, além das guirlandas e de 12 árvores luminosas vermelhas, dando um toque ainda mais colorido ao espetáculo de luzes.
Serviço:Shopping Jardins Open MallAv. Desembargador Moreira, 1011 – Meireles
Telefone: (85) 3433.2300
www.jardinsopenmall.com.br
• Mais informações sobre o assunto com a AD2M Engenharia de Comunicação, empresa responsável pela assessoria de imprensa do Jardins Open Mall, pelo fone (85) 3258.1001. Falar com Manuela Barroso manuelabarroso@ad2m.com.br

Expansão


EDUARDO MAGOSSI - O Estado de S.Paulo
Com 330 mil hectares de terras plantadas em quatro Estados, e presente em Goiás, Mato Grosso, Bahia, Rio Grande do Sul, Ceará e Minas Gerais, a Vanguarda Agro - formada por ativos e terras da Brasil Ecodiesel, Maeda e Vanguarda Agropecuária - pretende se expandir agora para os Estados de Maranhão, Piauí e Tocantins. A afirmação é do presidente da Veremonte e do Conselho de Administração da Vanguarda Agro, Marcelo Paracchini. A empresa administra o capital do investidor espanhol Enrique Bañuelos no Brasil.
"Queremos estar presentes em várias regiões para que tenhamos uma sinergia na produção", disse Paracchini. Segundo ele, na operação agrícola, é necessário estar presente em várias regiões que possuem vários tipos de climas. "Como é um setor vulnerável aos problemas climáticos, estar presente em diferentes regiões é uma garantia de fluxo de produção", disse.
Além disso, o executivo ressalta que diferentes regiões possuem diferentes períodos de safra, criando uma oferta constante de produto. "Também podemos utilizar as máquinas de plantio em uma área e depois deslocar as máquinas para outra. Como o plantio não é realizado ao mesmo tempo em todas as regiões, teremos importante sinergia no custo das máquinas."
Resultado de uma empresa que, segundo um conselheiro, já enfrentou as sete pragas do Egito desde sua fundação em 2003, a Vanguarda Agro acabou por renascer das cinzas com outro nome e focada em outro setor. Sobrou muito pouco da antiga Brasil Ecodiesel e de seu foco inicial, o biodiesel, transformando-se em uma empresa voltada para a agricultura. É nesse nicho que a Vanguarda Agro pretende crescer, deixando a produção de biodiesel como uma opção, dependendo da viabilidade.
Fundo. A partir de agora, afirma o executivo, a expansão da empresa não se dará por intermédio de grandes incorporações registradas até o momento, mas sim através de um Fundo de Investimentos em Participações (FIP), a ser lançado em breve com o nome de Land Co. Segundo ele, com o fundo, a expansão se dará por meio de pequenas incorporações. "Não vamos trabalhar com arrendamento de terras", afirma.
Segundo ele, o FIP vai ter 51% de seu controle nas mãos da Vanguarda Agro e os demais 49% serão vendidos em cotas. A empresa começa com ativos de 100 mil hectares. A estruturação do fundo está nas mãos de Sérgio Malacrida, recém anunciado diretor financeiro da Vanguarda Agro, ex-sócio da Vinci Partners.
Paracchini explica que possivelmente haverá uma troca de cotas por ações por ano, o que deve elevar a participação da Vanguarda para uma fatia além de 51%. "Então esse porcentual acima de 51% será utilizado para investimentos em novas terras e também para amortização de dívidas", prevê.
Com o lançamento do fundo, segundo Paracchini, a Vanguarda Agro não precisa realizar uma nova emissão de ações nem emitir títulos de dívida. "Não vamos captar recursos para expandir nosso negócio ou para amortizar dívidas. Isso será realizado através de um fundo de investimento em participações focado em terras", disse.
A administradora de fundos Veremonte quer ser a maior acionista da Vanguarda Agro, segundo Paracchini. Atualmente, é o fundador da Vanguarda Agropecuária, Otaviano Pivetta, quem possui a maior participação acionária na nova empresa Vanguarda Agro, 27,2% do capital. A Veremonte possui 21,31%, por meio de dois fundos (Vila Rica e Tiradentes). Outros acionistas, como Sílvio Tini possui 8,64%, Hélio Seibel 8,35% e a família de Otaviano Pivetta, 4,76%.
Ele explica que a Veremonte possui a opção de comprar mais 5% da Vanguarda Agro nos próximos 18 meses, até novembro de 2012. "Vamos exercer a opção de compra na Vanguarda Agropecuária", disse o executivo, que ainda planeja adquirir uma maior participação na empresa, além dos 5% previstos na opção.

Regata de Tatajuba


Acontece hoje e amanhã, a XVI Regata Ecológica de Canoas da comunidade de Tatajuba, em Camocim. A programação começa hoje show de calouros, apresentações culturas, torneios de esporte e um forró. Amanhá tem campeonato de pesca de tarrafas pela manhã e à tarde será realizada a competição náutica, seguida de premiação e forró.
Tatajuba é um dos 13 destinos que compõe a Rede Cearense de Turismo Comunitário (Rede Tucum). Aproveitando o festejo da XVII Regata, a Tucum oferece hoje saindo de de Fortaleza um pacote de turismo que além da programação do evento e das paisagens locais, inclui a hospedagem em estruturas ecológicas, construídas com adobe e tijolos.
Tatajuba é uma comunidade de pescadores e agricultores, que durante muitos anos conviveram com os soterramentos de sua vila em decorrência do caminhar de suas imponentes dunas. Hoje, em busca de lugares mais seguros, ocupam diferentes espaços, configurando-se em quatro vilas: Nova Tatajuba, Vila São Francisco, Baixa daTatajuba e Vila Nova.
Duas vezes a cada dia, Nova Tatajuba é ilhada quando um braço de mar é tomado pelas águas da maré cheia. Sobre o Morro Branco, duna mais próxima do mar, tem-se uma vista panorâmica da área com excelente ponto de observação do por do sol. A presença das dunas também revela lagoas de água doce, sendo o Lago da Torta o maior e conhecido por sua infraestrutura de restaurantes.
A comunidade possui uma histórica resistência contra a especulação imobiliária. A beleza local, diversidade de ambientes litorâneos e a proximidade com Jericoacoara são fatores com forte influencia nesse processo.
Tradicionais nas comunidades da zona costeira do Ceará, as regatas de pescadores são competições nas quais os vencedores são aqueles que demonstram maior habilidade de navegação no mar. A competição é muito valorizada pelos moradores/as das praias cearenses, pois representa uma celebração da cultura dos povos do mar e da resistência frente à especulação imobiliária e a degradação ambiental vivenciados cotidianamente pelas populações costeiras.
Roteiro - A programação do pacote turístico da Rede Tucum para Tatajuba apresenta para hoje às sete da manhã saída de Fortaleza com destino a Tatajuba, com duração prevista de seis horas de viagem. As 13 horas com a chegada em Tatajuba tem almoço, seguido de acomodação nos chalés. Logo às 14 horas tem a abertura dos torneios esportivos masculinos e femininos. Às 20 horas acontece o show de calouros e às 22 horas começa o forró da Regata.
Para amanhã às oito horas as largadas das IV Maratona e Mini Maratona de Tatajuba. Nove horas tem a final do torneio de futebol masculino e feminino. Às 13 horas ocorre o Campeonato da Pesca de Tarrafa. E finalmente às 15 horas acontece a largada da XVI Regata de Canoas de Tatajuba seguida de entrega da premiação e muito forró.

MAIS INFORMAÇÕES
XVII Regata Ecológica de Canoas de Tatajuba
Hoje e amanhã em Camocim
Fone: (88) 8801.2559.


terça-feira, 22 de novembro de 2011

Segurança Copa 2014 Brasil

O Ministério da Justiça, por meio Secretaria Nacional de Segurança Pública e Secretaria Extraordinária de Segurança para Grandes Eventos, capacitará 53 mil policiais militares, civis, federais, rodoviários federais, bombeiros e outros profissionais de segurança pública para atuarem na Copa do Mundo e demais eventos que o Brasil sediará. Cada profissional deverá participar de dez treinamentos diferentes, em média.
Quarenta cursos (20 presenciais e 20 a distância) serão realizados entre dezembro de 2011 e dezembro de 2013. Os instrutores responsáveis pela formação serão profissionais de segurança pública selecionados, com notório conhecimento nas temáticas. No primeiro semestre de 2014, todos os capacitados passarão por uma atualização em EAD, que vai conferir a Certificação Copa 2014. As atividades a distância serão desenvolvidas por meio da Rede de Ensino a Distância (EAD) da Senasp.
Já os cursos presenciais serão realizados nos Centros de Apoio para a Capacitação (CAPCs), instalados nos Institutos de Ensino de Segurança Pública (academias, centros de formação etc) de cada uma das instituições (Polícia Militar, Polícia Civil e Bombeiro Militar) dos estados-sede. A Senasp também terá um centro de capacitação, em virtude da atuação da Força Nacional de Segurança Pública.
Os estados selecionarão os servidores de segurança pública e acompanharão o desempenho dos profissionais, assegurando que eles atuarão durante os eventos.
Os participantes se dividirão em três categorias: especialistas, multiplicadores (que serão qualificados para treinar outros profissionais e para também para atuar ordinariamente) e operadores (aptos a usar os conhecimentos no trabalho ordinário).
O primeiro curso, de negociador, terá início em dezembro de 2011. Serão treinados 120 especialistas nos CAPCs da Polícia Militar nos estados de São Paulo, Bahia e Paraná e nas Polícias Civis de Minas Gerais e do Rio de Janeiro. O número de final de profissionais dos estados a serem capacitados será definido proporcionalmente ao efetivo de cada corporação.
Por meio da Força Nacional, a Senasp capacitará 90 especialistas no tema Condutor de Cão de Faro (drogas e explosivos) e multiplicadores nas temáticas “Atendimento a Múltiplas Vítimas” (30 vagas) e “Controle de Distúrbios Civis” (90).
A Secretaria Extraordinária de Segurança para Grandes Eventos faz parte do Ministério da Justiça e foi criada para coordenar as ações do Governo Federal para a segurança da Copa do Mundo, da Copa das Confederações e de outros eventos indicados pela Presidência da República. A Sesge vai desenvolver políticas de segurança, capacitar profissionais e adquirir equipamentos de alta tecnologia que serão usados nos estados para os grandes eventos.
(Com informações da Assessoria de Comunicação Social – Ministério da Justiça. (61) 2025 3315/3135. Marcus Oliveira. marcus.oliveira@mj.gov.brww.mj.gov.br/www.entreguesuaarma.gov.br)

ISO 9001

A Controladoria e Ouvidoria Geral do Estado (CGE) conquistou um marco inédito no serviço público brasileiro – a certificação ISO 9001. A CGE é o primeiro órgão da administração pública direta do país a ter todas as suas áreas certificadas - auditoria, acompanhamento da gestão, ouvidoria, ações estratégicas, assessoramento e suporte administrativo.
Para o Controlador e Ouvidor Geral do Estado, João Melo, a conquista foi recebida por todos que fazem a CGE com grande alegria. “Trata-se de uma vitória inédita e com ela o Estado do Ceará passa a ser referência nacional no controle interno da gestão pública”, frisou.
A certificação, com validade de novembro de 2011 a novembro de 2014, foi concedida após auditoria realizada pela Associação Brasileira de Normas Técnicas (ABNT), no Sistema de Gestão da Qualidade e em todas as áreas da CGE, entre 24 e 27 de outubro. Após o fim do trabalho, o auditor da ABNT afirmou que é perceptível o comprometimento e a cumplicidade dos profissionais que fazem a CGE com o Sistema de Gestão da Qualidade e o compromisso da direção superior em adotar melhorias contínuas.
Para a controladora e ouvidora Geral Adjunta, Silvia Correia, o resultado positivo da obtenção da ISO é motivo para comemoração. “Esse é o coroamento de um trabalho que vem sendo realizado por todos da CGE desde 2009. A gente percebe que o compromisso com a Qualidade está internalizado no grupo. Agora, temos um desafio permanente, que não para”, frisou Silvia Correia.
A implantação do Sistema de Gestão da Qualidade, que teve início em 2009, com o Planejamento Estratégico 2009 – 2014 da CGE, teve seu objetivo alcançado com a obtenção da certificação ISO 9001. A validade da certificação é até 10 de novembro de 2014. Durante esse período, a Controladoria continuará sendo acompanhada pela ABNT.
(Com informações de Kélia Jácome, Assessora de Comunicação da Controladoria e Ouvidoria Geral do Estado (CGE) Governo do Estado do Ceará/kelia.jacome@cge.ce.gov.br
(85) 3101.3475 e 8724.2222/Twitter: @ComunicacaoCGE)

GLBT

O VIII Fórum de Ideias Inovadoras em Política Públicas – FIP terá como tema “Cidadania Sexual, Homofobia e Políticas Públicas LGBT”, uma iniciativa da Assembleia Legislativa por meio do Instituto de Estudos e Pesquisas Para o Desenvolvimento do Estado do Ceará/ INESP. O evento acontecerá, hoje (22) e amanhã (23), na Assembleia Legislativa. 
Nas últimas décadas, principalmente depois dos anos de 1980, as discussões sobre diversidade, cidadania e direitos sexuais entram, definitivamente, nas agendas dos movimentos sociais organizados e iniciativas governamentais, na tentativa de transformação de uma realidade carregada de violência e estigma. Muito já foi conquistado e transformado, mas ainda convivemos com situações de intolerância e desigualdade de acesso a direitos sociais, devido orientação sexual e identidade de gênero. 
Nesse contexto, o VIII FIP, propõe um debate com organizações governamentais e não governamentais atuantes nas lutas pela efetivação dos diretos humanos de Gays, Lésbicas, Bissexuais, Travestis e Transexuais, e no enfrentamento ao preconceito por orientação sexual, com o objetivo de questionar e orientar novos diálogos e propostas de políticas públicas que garantam o exercício pleno da liberdade sexual. 
A abertura do evento acontece às 14h30, de hoje (22), no plenário da Assembleia Legislativa, onde haverá o lançamento do MBA em Formação de Políticas Públicas Inovadoras. O debate contará com as participações de Denise Falcão, presidente da Comissão da Diversidade Sexual da OAB-CE; com o presidente do Grupo de Resistência Asa Branca (GRAB), Francisco Pedrosa; com o antropólogo e pesquisador português Miguel Vale de Almeida, referência mundial em pesquisa sobre gêneros e relações homoafetivas; além das coordenadorias Estadual e Municipal, nas pessoas de Andréa Rossati e Orlaneudo Lima. 
O segundo dia, amanhã (23), segue com a programação que começa às 9 horas e conta com a participação da psicanalista e antropóloga Elizabeth Fetter Zambrano, além dos representantes dos movimentos sociais das organizações Articulação Nacional de Travestis, Transexuais e Transgêneros (ANTRA) e o Grupo de Resistência Asa Branca (GRAB), uma das organizações LGBT, em funcionamento, mais antigas do Brasil. 
INSCRIÇÕES - As inscrições para participar do FIP podem ser feitas no site da Assembleia Legislativa do Estado do Ceará: www.al.ce.gov.br
FIP - Criado para debater as principais questões da pauta pública nacional, o Fórum de Ideias Inovadoras em Políticas Públicas – FIP, é realizado pelo Instituto de Estudos e Pesquisas para o Desenvolvimento do Estado do Ceará (Inesp) da Assembleia Legislativa do Ceará. O FIP acontece todo mês e já debateu assuntos como mobilidade urbana; erradicação da miséria e a nova classe média; economia verde; políticas de audiovisual; saneamento básico e estatutos das cidades, entre outros. 
Com informações da Assessoria de Imprensa da Assembleia Legislativa 
Telefone: (85) 3277.2504 
Andrea Fontenele: (85) 9991.6979


Educação Inclusiva

A Procuradoria Regional dos Direitos do Cidadão no Ceará (PRDC), do Ministério Público Federal, em parceria com a Procuradoria Geral de Justiça do Estado do Ceará (PGJ), realiza hoje, às 13h30, audiência pública para discutir a Educação Inclusiva, com foco principal na questão das pessoas surdas. 
Com a audiência será aberto espaço para que a sociedade conheça melhor e discuta a Política Nacional de Educação Inclusiva, sobretudo no que diz respeito às escolas especiais para surdos. Esse debate se destinará à obtenção de informações para instruir o inquérito civil público que tem por objeto apurar a inclusão de pessoas surdas em escolas comuns.
A Federação Nacional de Educação e Integração de Surdos (Feneis) questiona a Política Nacional de Educação Inclusiva e a considera inconstitucional. Em carta-denúncia entregue à PRDC no mês de setembro, a entidade critica a Educação Inclusiva e defende as escolas bilíngues para surdos e o uso da Língua Brasileira de Sinais (Libras) como primeira língua.

Serviço 
Audiência Pública sobre Educação Inclusiva 
Data: 22 de novembro (hoje) 
Local: Auditório da Procuradoria Geral de Justiça no Estado do Ceará (Rua Assunção, 1100, bairro José Bonifácio. 
Agenda da Audiência: 
13h30 - Registro de Presença e Identificação; 
14 horas - Abertura pela Presidente da Audiência e composição da Mesa; 
14h30 - Procuradora Regional dos Direitos do Cidadão; Procuradora Geral de Justiça e Defensora Pública Geral do Estado do Ceará. Explanação das possibilidades e limites da atuação Institucional; 
PALESTRANTES 
15 horas - Joiran Medeiros da Silva (Coordenador Geral de Políticas Pedagógicas de Educação Especial) - 30 minutos; 
15h30 - Eugenia Augusta Gonzaga Fávero - 30 minutos; 
16 horas - Patrícia Luiza Ferreira Rezende (Representante da Federação Nacional de Educação e Integração dos Surdos) - 30 minutos; 
16h30 - João Emiliano Fortaleza de Aquino (Associação dos Surdos do Ceará - ASCE) - 30 minutos; 
17 horas - Será dada a palavra aos demais representantes de instituições presentes para intervenção, sendo assegurado a cada inscrito o limite máximo de cinco minutos; 
17h30 - Aberta à contribuição dos cidadãos presentes que se inscreverem junto à mesa receptora, durante a etapa anterior, sendo recebidas até o número de 10 inscrições e assegurada a palavra por até cinco minutos; 
18h30 - Encerramento pela presidente da Audiência.


Assessoria de Comunicação Social
Ministério Público Federal no Ceará
fone: (85) 3266.7457 / 3266.7458
twitter: @mpf_ce

Vivo

"Os dados de outubro da Agência Nacional de Telecomunicações (Anatel) mostram que a Telefônica/Vivo ampliou a sua liderança no mercado brasileiro de telefonia móvel, com a adição líquida, no mês, de 1,55 milhões de clientes. O market share passou de 29,49% (setembro) para 29,61%, ampliando a participação de mercado da operadora, que ocupa a primeira posição desde o início de suas atividades, em 2003.
“Estamos muito satisfeitos com este resultado, que mostra que somos percebidos pelo mercado como a empresa que disponibiliza para o consumidor as ofertas mais inovadoras – e com a melhor qualidade de serviço”, diz Paulo Cesar Teixeira, diretor-geral da Telefônica/Vivo. “Entre as iniciativas comerciais inovadoras da empresa, destaco o Vivo Sempre, lançado há três meses e que reduziu o custo de ligações entre celulares Vivo para R$0,05 o minuto, tornando-se a oferta mais atrativa do mercado”, completa Teixeira.
A empresa lançou também o Vivo Direto, um serviço de comunicação Push To Talk (PTT) que traz benefícios exclusivos, similar ao rádio em sua comunicação ilimitada entre os assinantes. E já está à disposição dos consumidores das cidades de Porto Alegre (RS) e Rio de Janeiro o Vivo Fixo, primeira oferta de telefonia fixa da empresa fora do Estado de São Paulo, reunindo em seus bundles também acesso à internet. No último mês de outubro a Vivo surpreendeu novamente o mercado com o lançamento do Vivo Sempre Ilimitado, oferta lançada exclusivamente na região Nordeste. Com essa promoção a Vivo oferece ligações e mensagens, ilimitadas, para qualquer Vivo do Brasil (local ou interurbano utilizando o 15), por apenas R$ 7,50 por mês – ou seja, R$ 0,25 por dia.
Aliado às iniciativas comerciais, a ampliação da liderança está baseada na qualidade do serviço. De acordo com o Índice de Desempenho de Atendimento (IDA), divulgado mensalmente pela Anatel, a Vivo obteve o melhor desempenho entre as operadoras que mantêm presença em todo País em 31 dos 32 meses de existência do índice (incluído setembro último).
À qualidade soma-se abrangência do serviço, para justificar a consolidação e aumento da liderança de mercado. A Vivo tem hoje a maior cobertura de 3G do Brasil, num total de mais de 1,5 mil municípios (mais que a soma das todas as demais operadoras). Ao longo de 2012, a rede 3G da Vivo atenderá 2.832 cidades brasileiras, onde vivem 85% da população do País.
Ofertas diferenciadas e alinhadas com as necessidades de cada perfil de cliente, qualidade e cobertura continuarão sendo prioridade para a Vivo. A empresa mantém o compromisso de oferecer os melhores serviços e o melhor atendimento para seus mais de 68 milhões de clientes em todo Brasil e, assim, ratificar a sua liderança de mercado e das preferências dos usuários.
Telefônica /Vivo
Assessoria de Imprensa

Agência Radioweb

Estácio-Fic na etapa final da Copa Coca-Cola


O Ceará terá um representante na etapa final Nacional da Copa Coca-Cola 2011. Após duas vitórias, o Estácio FIC/Fortaleza, campeão regional no estado, garantiu vaga para as quartas de finais do torneio, que será disputada a partir do próximo sábado (26.11), no Rio de Janeiro. A equipe cearense joga contra os alagoanos do Dias de Craque Joaquim Gomes.
Na categoria masculina, 32 equipes disputaram no último final de semana em São Paulo, a fase Preliminar Nacional. O Estácio venceu no sábado (19.11) os gaúchos do Unidos da Praça Cândido de Menezes por 3 a 1 e, no domingo, conseguiu novo triunfo sobre os paulistas do SL Benfica, com o placar de 2 a 1, resultado que assegura os cearenses como um dos oito melhores times da competição.
O feito do Estácio é muito comemorado pelo técnico da equipe, Rafael Lacerda, não só pelos resultados, mas também por causa do pouco tempo de treino e, principalmente, pela integração dos jogadores. “Tivemos apenas um mês para treinar esses garotos, o que não é muito tempo, se tratando de uma competição desse nível. Nosso time é formado por alguns jogadores que estão na escolinha da Universidade Estácio e por outros que vieram de projetos sociais”, revela o técnico.
Agora classificados para etapa Final Nacional, o técnico se mostra confiante em levar o título do maior campeonato de adolescentes do Brasil para o Ceará, mas reitera que o importante agora é aproveitar o momento e se divertir jogando futebol no Rio de Janeiro. “Estamos muito concentrados na competição, mas sempre deixo claro que o importante para eles é aproveitar essa oportunidade e a excelente estrutura que a Coca-Cola está disponibilizando para eles. Mas, já que chegamos até aqui, vamos nos esforçar ao máximo para sermos campeões, afinal, a rapadura é doce, mas não é mole não”, brinca o treinador.
Um dos destaques e capitão do Estácio, o meia Pedro Cardoso Loreiro, 15, quase não é selecionado para o torneio. O camisa 10 só faz parte da equipe graças a sua persistência e uma conversa com o treinador Rafael. “O professor iria me cortar da equipe quando houve os testes para montar o time na etapa regional. Mas, quando expliquei a ele que fazia muito tempo que não jogava futebol de campo, apenas futsal, ele me deu outra oportunidade e agora posso viver esse grande sonho”, conta. O jogador, que torce para o Santos, se inspira no craque do seu time do coração para ser o atleta com mais assistência no Estácio. “Gosto muito do futebol do Ganso, acho que ele é muito mais jogador que o Neymar que todos falam”, analisa Pedro.
Outro jogador da equipe do Estácio, que chama a atenção pela versatilidade em campo, é o camisa 7, Misael Thompson da Silva, de 13 anos. O corintiano diz que viajar para São Paulo e depois para o Rio de Janeiro é um sonho que ele consegue realizar antes dos seus pais. “Tudo o que estamos vivendo é muito especial, vai ficar para sempre em nossas vidas. Essa é uma vontade que minha mãe e meu pai têm de conhecer outros estados. Eles ficaram orgulhosos de mim por eu poder fazer isso primeiro”, conta.
Nessa experiência de viajar e conhecer outros estados graças à Copa Coca-Cola, Misael gostou muito da amizade que fez com os garotos do Rio de Janeiro, companheiros da equipe cearense no transporte de ônibus entre o hotel e os campos. “Eles são muito engraçados e divertidos. Algumas gírias deles é o que mais chama nossa atenção. Uma que achamos interessante é quando eles falam ‘pô bicho’”.
Representante Feminino
O Ceará também esteve representado em São Paulo por um time feminino, com a equipe da Faculdade Colegio Ateneu. As garotas se esforçaram, mas não conseguiram segurar as cariocas do time do Volta Redonda. A derrota de 7 a 0 no sábado, fez com que as cearenses fosse eliminadas nas oitavas de final.

Copa Coca-Cola

No Brasil, a Copa Coca-Cola contou com a participação de mais de 10 mil atletas, divididos em mais de 500 equipes em 27 cidades-sede. Promovido pela Coca-Cola Norsa nos estados do Ceará e Bahia, o torneio vai além do aspecto esportivo, propondo uma celebração das famílias e da vida saudável na comunidade. Para participar, era obrigatório o jovem estar matriculado na escola. No entorno dos campos, o público pode participar de atividades de lazer, como brincadeiras e apresentações musicais, além de palestras sobre estilo de vida saudável, como a importância da alimentação equilibrada e da prática de atividades físicas. Por estimular a adoção de hábitos de vida ativa pela população, o torneio conta com o apoio do Ministério da Saúde. A Copa Coca-Cola é um convite à vida ativa nas comunidades brasileiras.

Sobre a Norsa
A Norsa é uma empresa de bebidas fundada em 1998 pela união dos franqueados Coca-Cola nos Estados da Bahia, do Ceará, Piauí e Rio Grande do Norte. Com doze anos de existência, alcançou a liderança absoluta do mercado de refrigerantes.  Com cinco fábricas (Maracanaú - CE, Simões Filho - BA, Vitória da Conquista – BA, Macaíba – RN e Teresina - PI), além de 10 centros de distribuição e dois centros de vendas, a empresa conta com mais de cinco mil funcionários e fornece refrigerantes, sucos, chás, energéticos, achocolatados, hidrotônicos, isotônicos e águas, além dos produtos Heineken Brasil na região, para cerca de 150 mil pontos-de-venda.

Hoje, a Norsa tem 59,3% de participação no mercado (dados Nielsen de outubro de 2011). Seu faturamento bruto cresceu de R$ 507,2 milhões em 2002 para R$ 1,582 bilhão em 2010, com um crescimento de 23,2 % em relação ao ano anterior.

Prêmio BNB de Jornalismo 2011


Até o dia 10 de janeiro do próximo ano é possível realizar inscrição no Prêmio BNB de Jornalismo, ação promovida pelo Banco do Nordeste que premia os trabalhos publicados por veículos de mídia em todas as áreas em que o BNB atua, sobre ações inovadoras na área de desenvolvimento regional e democratização do crédito.
Para se inscrever, o jornalista deve preencher formulário e o encaminhar, juntamente com o material produzido para o concurso, ao Ambiente de Comunicação Social do Banco do Nordeste do Brasil (Avenida Pedro Ramalho, 5.700 - Bloco D-1 Térreo - Bairro Passaré - Fortaleza-CE, CEP 60.740-000). O formulário e as disposições sobre o formato no qual as matérias devem ser remetidas estão disponíveis no site www.bnb.gov.br.
Os prêmios chegam a R$ 15 mil e variam de acordo com a categoria e a modalidade em que o trabalho for inscrito.
De acordo com o gerente do Ambiente de Comunicação Social do Banco do Nordeste, Maurício Lima, o Prêmio tem como objetivo incentivar o debate sobre o desenvolvimento regional,em todas as suas formas. “Não procuramos apenas trabalhos que só mencionem o Banco ou que falem sobre economia. Buscamos matérias que demonstrem um novo olhar sobre o desenvolvimento, considerando todas as esferas em que ele ocorre”, explica. 
Promoção
A partir desta semana, a página da sala de imprensa do BNB no Facebook (www.facebook.com/imprensabnb) traz uma aba sobre o Prêmio, procurando tirar as dúvidas mais comuns sobre o assunto. Também é possível tirar dúvidas diretamente com a assessoria de imprensa do Banco do Nordeste por meio da página.
Serão sorteados 50 pen-drives de 4GB, entre os primeiros 200 jornalistas ou estudantes de jornalismo que participarem da promoção, por meio de inscrição no link http://on.fb.me/tVz6j2.
Categorias
O Prêmio abrange as modalidades Nacional, Regionais I, II e III, além da Extrarregional, cada uma contemplando cinco categorias: Mídia Impressa - Texto, Mídia Eletrônica - TV, Mídia Eletrônica - Rádio, Mídia Impressa - Foto e Mídia Eletrônica - Internet.
Há, ainda, um Prêmio Especial para trabalhos oriundos de municípios com menos de 100 mil habitantes, localizados na área básica de atuação do Banco (Estados do Nordeste e norte dos Estados de Minas Gerais e Espírito Santo); e um Prêmio Universitário para qualquer uma das cinco categorias, a ser concedido em cada uma das três Regionais e na modalidade Extrarregional.
Para efeito de enquadramento, são incluídos na modalidade Regional I os trabalhos oriundos dos Estados da Bahia, Pernambuco e Ceará; na modalidade Regional II, enquadram-se os trabalhos oriundos dos Estados do Rio Grande do Norte, Paraíba, Maranhão e Minas Gerais (área de atuação do BNB); e na modalidade Regional III, os trabalhos oriundos dos Estados do Piauí, Alagoas, Sergipe e Espírito Santo (área de atuação do BNB).
       

Cidadão fortalezense Gilvan Rocha


Sessão solene hoje, 22, a Câmara Municipal de Fortaleza concede o Título de Cidadão de Fortaleza ao escritor e político Gilvan Rocha, membro do Partido Socialismo e Liberdade (PSOL). A solenidade, proposta pelo vereador João Alfredo (PSOL), acontece no plenário Fausto Arruda, às 19h30.
A homenagem atende ao decreto legislativo nº 0077/2010. Na justificativa da homenagem, a parlamentar evidenciou a trajetória política do escritor, que, aos 16 anos de idade, iniciou militância no Partido Comunista. Vítima das perseguições da ditadura militar, Gilvan Rocha exilou-se em Portugal, retornando ao Brasil em 1976.
Com a criação da Lei da Anistia, em 1979, Gilvan Rocha retorna a Fortaleza e participa da Comissão pela Construção do Partido dos Trabalhadores, passando também pelo Partido Socialista Brasileiro. Em sua carreira como escritor, o homenageado é autor dos livros “Vermelho Cor de Esperança”, “Bye, Bye PT”, “Meio Século de Caminhada Socialista”, “Comunistas, filhos da pátria” e “1964: A Grande Derrota e Outros Textos Pertinentes”.
“Militante de fibra e coerência, Gilvan Rocha se faz merecedor do Título de Cidadão, por sua trajetória de vida e sua atuação exemplar na vida pública e particular”, ressaltou Toinha Rocha, no texto do decreto legislativo.
Mais informações: vereador João Alfredo (99810498) ou Ivna Girão (assessoria 88175149)

Ceará hoje


segunda-feira, 21 de novembro de 2011

Abastecimento de água reforçado em Fortaleza


Três obras estão em andamento em Fortaleza atualmente. Após concluídas, as obras irão melhorar a distribuição de água em bairros da Capital e Região Metropolitana. A Companhia de Água e Esgoto do Ceará (Cagece) está realizando três grandes obras de abastecimento de água no município de Fortaleza que
irão resolver a distribuição em diversos bairros da cidade que sofrem atualmente com o subdimensionamento da rede de distribuição de água e ocasiona problemas de baixa pressão, inconstância e falta de água.
A zona Noroeste da Região Metropolitana da Capital, que abrange os bairros Potira, Jurema, Conjunto São Miguel, Tabapuá e adjacências, será beneficiada com a construção de uma linha de reforço no valor de cerca de R$ 3,5 milhões. A obra está implantando 11.377 metros de rede e encontra-se 99% concluída.
Outra linha de reforço está sendo implantada para melhorar o abastecimento dos seguintes bairros: Cidade Oeste, Antônio Bezerra, Quintino Cunha, Floresta e redondezas. Estão sendo assentados 1.466 metros de rede e uma adutora. O investimento previsto é de cerca de R$2,8 milhões. A obra está em 90% concluída.
A Cagece também está em processo licitatório para a execução de obras de melhoria no abastecimento de 14 bairros, que são eles: Messejana, Curió, Lagoa Redonda, Cambeba, Alagadiço Novo, Guajeru, Cajazeiras, Pedras, Paupina, Barroso, Ancuri, Coaçu, Parque Iracema e Jangurussu. A obra irá beneficiar 470 mil habitantes (previsão de crescimento demográfico até 2015) e assentará 12.880 metros de subadutora, além de instalar quatro válvulas redutoras de pressão e executar 100 metros de travessia. A obra, dividida em duas licitações – serviços e materiais, totaliza R$ 19,5 milhões e está prevista para ser iniciada em no primeiro trimestre de 2012, com conclusão em 14 meses.

Ligações clandestinas e aumento de consumo - Enquanto as obras de reforço no abastecimento de água não estão concluídas, a Cagece chama a atenção para algumas práticas que reduzem a oferta de água em alguns bairros de Fortaleza e contribuem para as faltas e inconstâncias do abastecimento.
As ligações clandestinas em redes de distribuição são o grande vilão para o fornecimento de água em bairros que sofrem atualmente com estes problemas como Potira, Quintino Cunha e Alagadiço Novo. Isto porque, quando um imóvel desvia água gera uma diminuição de pressão na rede.
Além disso, uma ligação clandestina gera outros problemas operacionais que demandam investimento da Cagece que poderia ser direcionado para melhorias nos sistemas. No período de janeiro à setembro deste ano, em Fortaleza, por exemplo, a Companhia teve uma perda de cerca de 66 milhões de metros cúbicos de água distribuída entre perdas nos processos, por vazamento,
submedições e fraudes. No último caso, as ligações clandestinas representam metade do volume perdido, ou seja, aproximadamente 33 milhões de metros cúbicos. Esse montante equivale ao abastecimento por cerca de 2 meses de consumo de todas as 246 localidades abastecidas pela Cagece, exceto Fortaleza.
Outro fator que deve ser levado em consideração é a elevação natural do consumo nesses meses do ano onde é detectado um aumento do calor. Com o fim do período chuvoso no mês de maio, o consumo de água no Estado aumentou cerca de 2,36% nos três meses seguintes. Em agosto, mês mais quente, foi registrado no Ceará um volume de 20.701.528 milhões de metros cúbicos, o que equivale a quantidade necessária para abastecer por um mês uma cidade do tamanho de Horizonte, Pacajus, Russas e Aracati, juntas.
Nestas duas situações, a Cagece adota medidas de combate e conscientização. Para minimizar o número de incidências de fraudes, por exemplo, a Cagece faz análises de discrepâncias nas leituras dos medidores (como baixa excessiva no consumo), recebe denúncias e fiscaliza ligações cortadas há mais de quinze dias. Já para controlar o aumento do consumo, a Companhia realiza um trabalho socioambiental onde equipes atuam em comunidades, escolas e empresas, ensinando como não desperdiçar e melhor aproveitar a água que chega na casa do cliente.
Porém, a Cagece ressalta que é necessária a conscientização da população sobre o prejuízo que uma fraude ou a utilização desmoderada de consumo podem acarretar para toda a população.

Assessoria de Imprensa Cagece
Sabrina Lemos (
sabrina.lemos@cagece.com.br - (85) 31011826-88788932)

Câncer de Pele

O Ceará deverá registrar este ano seis mil novos casos de câncer de pele, dos quais 4% relacionados ao melanoma, a mais grave das lesões devido ao seu alto potencial de produzir metástase enviando células tumorais para outros órgãos, onde se desenvolvem. A informação é do presidente da Sociedade Brasileira de Dermatologia-CE e coordenador regional da Campanha Nacional de Prevenção do Câncer de Pele, René Diógenes, que acontecerá no próximo dia 26, sábado, em Fortaleza.
A ação será realizada em três unidades de saúde - Centro de Dermatologia Dona Libânia, Hospital Geral de Fortaleza (HGF) e Hospital das Clínicas – e envolverá médicos dermatologistas e enfermeiros, que prestarão atendimento gratuito das 8 às 15 horas. Serão realizados exames completos da pele, palestras e orientações sobre os cuidados com a exposição solar, prevenção, autoexame e descoberta precoce da doença. Os casos com suspeita de câncer de pele serão imediatamente encaminhados para tratamento gratuito, incluindo cirurgias. A previsão é atender cerca de 1.500 pessoas neste sábado. No Brasil, serão ao todo quatro mil profissionais voluntários prestando atendimento gratuito em 165 postos, em 24 estados do país.
Dentre os tumores existentes, o câncer de pele é o primeiro no ranking mundial. A boa notícia é que a doença tem cura. Se identificada no início, as chances são de 98%; em contrapartida, 25% dos casos não detectados precocemente são fatais.
Pesquisas apontam que a incidência dos casos de câncer de pele é maior em homens (61,6%) do que em mulheres (38,4%); em pessoas de pele clara (63%); e na faixa etária de 55 a 65 anos. A concentração dos casos nas regiões é maior no Sul (10,44%), seguida do Sudeste (9%), Centro-oeste (8,9%), Nordeste (8,62%) e Norte (8,14%).

Guinness Book
De acordo com o presidente nacional da SBD, o médico dermatologista Omar Lupi, a estimativa para 2011 é atender 50 mil pessoas em todo Brasil. “A campanha entrou para o Guinness Book em junho do ano passado, quando foi reconhecida pelo livro dos recordes como a maior ação mundial de prevenção do câncer de pele no mundo”, afirma.
Maiores informações
René Diógenes – presidente SBP-CE - 9983.3380
Assessoria de Imprensa (Rozanne – 9994.8040 // Narla – 86101456)

Queijos

 A história e a importância cultural, econômica e gastronômica dos queijos tradicionais brasileiros serão apresentadas no I Simpósio de Queijos Artesanais do Brasil. O evento é promovido pela Embrapa Agroindústria Tropical e pela Emater Rio Grande do Sul, na sede do Banco do Nordeste, em Fortaleza, entre os dias 23 e 25 de novembro. Na ocasião, especialistas mostrarão as peculiaridades de queijos como Salitre, Canastra, Serro, Araxá, Colonial, Coalho e da Ilha de Marajó.
            Durante o evento haverá degustação, feira de produtos e equipamentos e apresentação de casos de sucesso envolvendo produtores de queijos como o Colonial, o Serrano, os queijos mineiros e o queijo da Ilha de Marajó, entre outros.
            O evento, que reunirá cerca de 300 estudiosos e produtores, tem como grande objetivo discutir a legalização e a proteção dos queijos artesanais do Brasil, que são preparados com leite cru. O processo de produção é passado de geração em geração em diversas regiões brasileiras. Só nos estados de Minas Gerais e Rio Grande do Sul existem cerca de 30 mil produtores de diferentes tipos de queijos artesanais.
            Em todo o País, as queijarias artesanais têm enfrentado dificuldades por conta da exigência da pasteurização do leite na produção do queijo. A intenção do I Simpósio de Queijos Artesanais do Brasil é discutir alternativas para o setor, pois hoje a legislação nacional não contempla esses queijos. Durante o evento deve ser aprovada a Carta de Fortaleza – um manifesto pela legalização dos queijos tradicionais do Brasil.
            A coordenadora do evento, pesquisadora Socorro Bastos, diz que é possível obter queijo artesanal produzido com leite cru de forma segura, mesmo sem a pasteurização do leite. Segundo ela, para isso é necessária a adoção de Boas Práticas Agropecuárias e de Produção. Conforme Socorro Bastos, a pasteurização altera as características dos produtos tradicionais, como textura e sabor. Ela coordena um projeto que visa a indicação de origem para os queijos do tipo Coalho da região do Jaguaribe, CE. Coordenadas pelo projeto, várias instituições estão envolvidas na criação de diretrizes que serão sugeridas para a regulamentação estadual de queijarias artesanais no Ceará.
            O I Simpósio de Queijos Artesanais do Brasil conta com o patrocínio do Banco do Nordeste e da Secretaria de Desenvolvimento Agrário do Ceará.

 Verônica Freire (MTB 01225JP)
Embrapa Agroindústria Tropical
(85) 33917115


PROGRAMAÇÃO

Dia 23.11.2011

9h as 10h - Abertura
•Embrapa Agroindústria Tropical - Vitor Hugo de Oliveira - chefe geral
• Maria do Socorro Rocha Bastos - Pesquisadora e coordenadora do evento
•Empresa de Assistência Técnica e Extensão Rural - EMATER/RS - Sr. João Carlos Santos da Luz – Vice-coordenador

10h às 11h - Painel de abertura:
 Importância cultural, histórica, social e econômica dos queijos no Brasil
Palestrante 1: Sr. João Castanho Dias - autor do livro 'Uma Longa e Deliciosa Viagem'

11h as 11h30  - Cheese break

11h45 as 13h30 - Apresentação dos queijos artesanais do Brasil
•Queijo Serrano RS e SC - Sr. Ulisses Córdova - EPAGRI SC e Sr. Jaime E. Ries - EMATER RS
•Queijo Colonial SC e RS - Sr.Renato C. dos Santos - EMATER RS

13h30 as 14h30 - Almoço

 14h30 as 17h15 h - Apresentação dos queijos artesanais do Brasil
•Queijo do Salitre, Canastra, Serro e Araxá MG - Sr. Albany Arcega - Emater MG
•Queijo Coalho NE - Sra. Maria do Socorro Rocha Bastos - Embrapa Agroindústria Tropical
•Queijo Manteiga NE - Sr. Acácio Sânzio de Brito - SEBRAE RN
•Queijo da Ilha de Marajó - Sr. Almir Silva - UFRA PA
17:15 as 17:30 hs - Apresentação da proposta Carta de Fortaleza em defesa dos queijos artesanais.

  Dia 24.11.2011
 8h as 10h- Mesa redonda: Políticas publicas para  proteção de queijos artesanais
- Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (MAPA)- representante do DIPOA
- Ministério de Desenvolvimento Agrário (MDA)
Sra. Ana Helena Machado Junqueira Cunha - SEAPA MG
Sr. Francisco Augusto de Souza Junior - Presidente da ADAGRI
 Moderador: Sr. José Nelson Martins de Souza - SDA CE

10h as 10h30 - Cheese break

10h30 as 12h - Palestra: Papel das instituições brasileiras de pesquisa, ensino e extensão na produção de queijos artesanais do Brasil
Profa. Saionara Araujo Wagner - Universidade Federal do Rio Grande do Sul / Jaime Eduardo Ries/ - EMATER/RS
Prof. José Fernando Mourão Cavalcante - Universidade Estadual do Ceará

12h15 as 13h15 - Palestra: O papel do registro de alimentos tradicionais como patrimônio cultural imaterial - limites e possibilidades
Sra. Cláudia Marina Vasques - Coordenadora de registro do IPHAN

13h30 as 14h30 - Almoço

14h45 as 15h30 - Painel: O papel das ONGs e movimentos organizados na salvaguarda dos queijos artesanais
 Sra. Kátia Karam - Movimento Slow Food Brasil
Sr. Aluísio Marques - SerTãoBrás

15h45 – 17h30 - PROGRAMAÇÃO ALTERNATIVA
Sala 1: Discussão do Filme "O mineiro e o queijo"
Queijos artesanais na culinária brasileira.
 Sr. Fernando Barroso Botelho - Chef de Cuisine - Alimenta Bistrô/Fortaleza.

Feira: Momento de integração - Feira com produtos, equipamentos, tecnologia de fabricação - Exposição dos queijos artesanais do Brasil


 Dia 25.11.2011

08h as 10h15 - Casos de sucesso no Brasil - Espaço do produtor
•Queijo Colonial - Sr. Daniel Cichelero - Granja Cichelero Carlos Barbosa/RS 
•Queijo Serrano - Sr. Roberto Andriollo - Queijaria Ilhéus - Caxias do Sul/RS
•Queijos Mineiros - Sr. João José de Melo - presidente da COOALPA - MG
•Queijo Coalho - Sr. Francisco Nogueira Neto- Queijaribe - CE e Sr. Romildo Albuquerque Bezerra-Presidente da Associação-PE
•Queijo de Manteiga - Produtor do estado do RN
•Queijo da Ilha de Marajó - Sr. Carlos Augusto de Lima Gouveia - produtor PA
 10:15 as 10:45 hs- Cheese break

 11h as 12 hs - Palestra - O papel da Indicação Geográfica uma estratégia de reconhecimento para produtos agropecuários
 Sr. Luiz Cláudio Dupim - Coordenação de Fomento e Registro de Indicações Geográficas

 12h as 13h30 - Reunião com grupos para discussão da Proposta de Carta de Fortaleza e seus desdobramentos.

13h30 as 14h30 - Almoço

14h45 as 16h30 - Momento de integração - Feira com produtos, equipamentos, tecnologia de fabricação - Exposição em stands dos diversos estados - RS, SC, MG, PA e região Nordeste - Espaço da Gastronomia

16h30 - Leitura da carta de Fortaleza em defesa dos queijos artesanais.
Sr. João Carlos Santos da Luz - EMATER - RS

Coquetel de encerramento

Fretes em Fortaleza

Os fretes da cidade de Fortaleza encontram-se atualmente sem amparo pelo poder público. Devido a essa condição o vereador Leonelzinho Alencar (PTdoB), está propondo a realização de Audiência Pública amanhã (22), às 14h30, na Câmara Municipal de Fortaleza.
Estima-se que Fortaleza tenha 1.500 fretes existentes na cidade. A Associação dos Transportadores Autônomos de Cargas de Fortaleza foi fundada em 26 de maio de 2011 com a expectativa de regulamentação do serviço.
O presidente da Associação, José Moacyr Moura, disse que a categoria não tem amparo de nada. “Não podemos oferecer qualidade em nossos carros e serviços, devido não termos nenhum acolhimento”, ressaltou o presidente.
De acordo com o vereador Leonelzinho Alencar, a situação dos fretes de Fortaleza é preocupante. “A categoria precisa ser qualificada e ter guarida para a renovação dos carros que presta este serviço”, afirmou Leonelzinho.
A audiência tem como objetivo colher as informações sobre a real situação da categoria e assim encaminhar as dificuldades aos órgãos responsáveis.

MAIS INFORMAÇÕES: ASSESSORIA DE IMPRENSA - Mona Lisa Mazza- 8755.6064 /9962.6236