Ração animal

O secretário estadual da Agricultura e Pesca, Odilon Aguiar, e o chefe geral de ovinos e caprinos da Embrapa Sobral, Marcos Bonfim, se reuniram para discutir a melhoria na alimentação do rebanho cearense.
Para isso, será feita uma análise das fezes dos animais para identificar as deficiências nutricionais. Com essa informação, os técnicos da Embrapa - em parceria Secretaria - formularão dietas específicas com os ingredientes que os produtores têm acesso como milho, resíduo de algodão e farelo de soja.
"Dessa maneira, será formulada uma alimentação balanceada para suprir as deficiências. E será possível orientar a quantidade correta por cabeça a ser distribuída diariamente para os animais", explica Odilon.
Paralela a essa ação, e também em parceria com a Embrapa, a Secretaria está concluindo o projeto para aquisição e distribuição de mini-kits de fabricação de ração (inclusive com moinho e misturador) para distribuir estrategicamente nas associações de pequenos produtores rurais. "Com esse kit, os pequenos produtores terão a oportunidade de, com uma pequena taxa de manutenção, fazer a mistura e terá uma ração balanceada, que aumentará a produção e a produtividade", ressalta Augusto Souza Júnior, diretor da Agência de Defesa Agropecuária do Ceará (Adagri). Participaram ainda da reunião técnicos da Conab de Brasília.

Comentários