Pesquisar no blog

quinta-feira, 6 de outubro de 2016

Tribuna do Ceará ganha Prêmio Estácio de Jornalismo

A Estácio anunciou na tarde de hoje,  durante cerimônia realizada num dos mais novos cartões-postais da cidade do Rio de Janeiro, o Museu do Amanhã, os vencedores do Prêmio Estácio de Jornalismo – edição 2016. A festa de premiação reuniu cerca de 150 pessoas, grande parte delas profissionais de comunicação de todas as regiões do Brasil. Destaque para a premiação da Internet Regional para o portal Tribuna do Ceará que ganhou com a reportagem "Sertões de Oportunidades".
Em 2016, o Prêmio Estácio de Jornalismo atingiu a marca de 1.425 reportagens participantes desde sua criação. Na edição deste ano, 331 reportagens participaram e 24 finalistas concorreram em nove categorias, com premiações variando entre R$ 10 mil (mídias regionais), R$ 15 mil (mídias nacionais) e R$ 25 mil (Grande Prêmio Estácio). O retrato desta edição mostra que a premiação se consolidou de vez como um programa de alcance nacional, já que registrou a presença de participantes de 25 estados e do Distrito Federal. Destaque para os veículos regionais, que representaram 80% dos inscritos em 2016.
Ao longo das edições, a coordenação do prêmio vem percebendo que, além do crescimento do número de reportagens inscritas, há um aumento expressivo da qualidade e da diversidade de temas propostos. Nos últimos anos, a premiação recebeu uma quantidade grande de matérias bem elaboradas e estruturadas, mostrando que os jornalistas estão se dedicando e se aprofundando para produzir mais trabalhos de “fôlego” sobre o ensino superior. A coordenação do prêmio acredita que as boas produções podem contribuir e trazer para sociedade mais conhecimento e mostrar a real missão do ensino superior e como ele pode transformar vidas.
Para Pedro Thompson, presidente da Estácio, “a missão do jornalismo e da Estácio é praticamente a mesma: preparar as futuras gerações por meio da informação e da educação”.
Anderson Souza, da rádio CBN Recife, foi o grande vencedor de 2016 ao conquistar o prêmio principal, com a reportagem “O Mercado das Faculdades Piratas”. Esta é a primeira vez que um veículo Regional e da categoria de Rádio ganha o Grande Prêmio Estácio de Jornalismo. Desde a criação do prêmio principal (em 2013), somente veículos nacionais e de mídia impressa tinham conquistado este título. Segundo Souza, “foi um trabalho de seis meses, desde que surgiu a primeira informação de que teria uma CPI sobre as faculdades piratas, que prejudicaram quase 50 mil estudantes. Esse prêmio vai para todas as pessoas que estão buscando, na Justiça, o direito de concluir o curso e conseguir esse diploma”, comemora o jornalista, que produziu a reportagem com Débora Pereira. “Queria agradecer a Estácio por valorizar o nosso trabalho”, completa.
Na categoria TV Nacional, o prêmio foi recebido por Phelipe Siani, da TV Globo, que dedicou a vitória a sua equipe. “Em televisão a gente não faz nada sozinho. O prêmio é uma homenagem a toda essa galera e um reconhecimento aos novos formatos do jornalismo. Saber contar histórias com essa riqueza de detalhes traz resultados como esse", diz o repórter.
Flavia Yuri Oshima, da revista Época, venceu na categoria Impresso Nacional. “A iniciativa da Estácio é muito preciosa em um país como o Brasil, no qual temos muita dificuldade de conseguir espaço para cobrir Educação. É um trabalho árduo e difícil, mas recompensador”, afirma a jornalista.
Os premiados foram:
Grande Prêmio Estácio de Jornalismo:
Autor(es): Anderson Souza e Débora Pereira
Reportagem: O MERCADO DAS FACULDADES PIRATAS
Veículo: CBN (Recife)
Impresso Nacional:
Autor(es): Flavia Yuri Oshima
Reportagem: COMO O BRASIL DESPERDIÇA SEUS TALENTOS
Veículo: ÉPOCA
Impresso Regional:
Autor(es): Veronica Almeida e Guga Matos
Reportagem: 100 ANOS DE MEDICINA
Veículo: JORNAL DO COMMERCIO (Recife)
TV Nacional:
Autor(es): Phelipe Siani, Cíntia Borsato, David Faria, Rodrigo di Biase, Fábio Turci, Sheila Natal, Carlos Augusto Nunes, Fernanda Saviolo, Lúcio Rodrigues, Nayla Duarte, José Alan, Tiago Capelle e Fernando Guilherme
Reportagem: O QUE ACONTECEU COM O FIES?
Veículo: TV GLOBO
TV Regional:
Autor(es): Talita de Paula Amaral, Alex Magosso e William Souza
Reportagem: FLECHAS DO SABER: ENSINO SUPERIOR TRANSFORMA INDÍGENAS E SUAS ALDEIAS
Veículo: REDE MASSA (Maringá - PR)
Rádio Nacional:
Autor(es): Jéssica Gonçalves
Reportagem: ENTRE OS MUROS DA UNIVERSIDADE
Veículo: RÁDIO NACIONAL – EBC
Rádio Regional:
Autor(es): Luciano Augusto, Cleide Selma e Rafael Lopes
Reportagem: AGRESSORES EM TERAPIA
Veículo: LIBERDADE FM (Aracaju)
Internet Nacional:
Autor(es): Marina Lopes e Vinícius de Oliveira
Reportagem: SÉRIE DESAFIOS E CAMINHOS PARA A FORMAÇÃO DE PROFESSORES NO BRASIL
Veículo: PORVIR
Internet Regional:
Autor(es): Felipe Lima
Reportagem: SERTÃO DE OPORTUNIDADES
Veículo: TRIBUNA DO CEARÁ
Os finalistas foram definidos por uma comissão composta por professores de jornalismo da Estácio de todas as regiões geográficas do país. Os jurados que escolheram os nove vencedores da edição 2016 foram:
- Augusto Nunes – Colunista da revista Veja on line, mediador do programa Roda Viva, da TV Cultura, e vencedor de quatro prêmios Esso;
- Cristiane Correa – Autora dos livros “Sonho Grande” e “Abilio” e ex-editora executiva da revista Exame;
- Ilona Becskeházy – Atua como consultora e é colunista da Revista Gestão Educacional e do boletim Missão Aluno, veiculado pela Rádio CBN em rede nacional;
- Renata Cafardo – Jornalista com passagem pelo Estadão e TV Globo cobrindo educação. Vencedora dos prêmios Embratel, Ayrton Senna, Andifes, Estado e do Troféu Mulher Imprensa, também é escritora e diretora da Associação de Jornalistas de Educação (JEDUCA);
- Vera Íris Paternostro – Gerente de desenvolvimento de jornalismo da TV Globo e autora de livros.

Nenhum comentário: