sábado, 8 de outubro de 2016

De olho no lance

ABC, de Natal (RN) e Guarani, de Campinas (SP) já estão na Segundona do Brasileirão 2017.
Eliminaram Botafogo, de Ribeirão Preto (SP) e Asa, de Arapiraca (AL), nas quartas-de-final da Terceirona 2016.
O ABC empatou em 0 a 0 com o Botafogo, em Ribeirão Preto e ganhou dele de 1 a 0, em Natal.
O Guarani perdeu de 3 a 1 do Asa, em Arapiraca e ganhou de 3 a 0 dele, em Campinas.
Amanhã, às 11 horas, em Varginha, o Boa (MG) recebe o Botafogo (PB).
No primeiro jogo deu 0 a 0 em João Pessoa (PB).
Amanhã, às 19 horas, na Arena Castelão, o Fortaleza recebe o Juventude (RS).
No primeiro jogo deu 0 a 0 em Caxias (RS).
Os vencedores de Boa x Botafogo (PB) e Fortaleza x Juventude estarão na Segundona do Brasileirão do ano que vem. 

Futricas Cearenses

Aniversários de hoje
Deseje um feliz aniversário a seus amigos!

Agenda dominical para Fortaleza

O que vai acontecer amanhã em Fortaleza:
8 às 18 horas - Fórum Shalom 2016, no Centro de Eventos do Ceará.
13h30 às 18 horas - Online Party, na Praça de Alimentação do Shopping Via Sul.
14 às 18 horas - Concurso para o Instituto José Frota (IJF).
14 às 22 horas - Último dia do IV Pollo Fashion Week, no Centro de Eventos do Ceará.
14 às 22 horas - Exposição O Povo Mamães e Bebês, no RioMar Fortaleza Piso L-1.
15 horas - Fashion Kids RioMar 2016, desfile Xô Xulé, no RioMar Fortaleza.
16 horas - Fashion Kids RioMar 2016, desfile Hering Kids,no RioMar Fortaleza.
17 horas - Fashion Kids RioMar 2016, desfile Alphabeto, no RioMar Fortaleza.
17 às 23 horas - Oktoberfora no estacionamento Lagoa do RioMar Fortaleza. 
18 horas - Fashion Kids RioMar 2016, desfile Tiptop, no RioMar Fortaleza.
19 horas - Fortaleza x Juventude, na Arena Castelão, pelas quartas-de-final da Terceirona do Brasileirão.
19 horas - Mart'nália em Samba, na Caixa Cultural Fortaleza.

Agora pelo Cearensão Sub-13

Sábado, 08/10/2016
 14:00  |  MaguaryxFortaleza-CT Ribamar Bezerra 
 14:00  |  Santa CruzxCeará-Franzé Morais 
 14:00  |  EstaçãoxUnião-Felipe Santiago 

Prévia da final da Terceirinha do Cearensão 2016

O Tianguá recebe amanhã, às três e meia da tarde, no Juncão, em Sobral, o Esporte Limoeiro, pela prévia da decisão da Terceirinha do Cearensão.
A Terceirinha 2016 tem apenas três times.
O Esporte Limoeiro lidera com sete pontos em três jogos.
O Tianguá é o segundo com seus pontos.
Os dois já estão garantidos na Segundona do Cearensão 2017.
O jogo de amanhã define o mandante da grande final em jogo único. 
Para  ser mandante basta um empate para o Limoeiro.
O Tianguá para ser mandante tem que ganhar do Limoeiro.
Já o Palmácia em quatro partidas só somou um ponto e está eliminado.
Perdeu três partidas, levou oito gols e fez cinco. Saldo negativo de três.
PosiçãoClubePGJGVitEmpDerGPGCSGApr. %
1Esporte7321064277.78
2Tianguá6320132166.67
3Palmácia1401358-38.33

Horizonte a um empate da final da Fares Lopes 2016

Hoje, às três e meia da tarde, no Domingão, em Horizonte, sai o primeiro finalista da Taça Fares Lopes 2016.
O Horizonte recebe o Floresta, no jogo semifinal de volta.
Na ida, no Presidente Vargas, sábado passado, o Horizonte ganhou de 3 a 1. 
Hoje joga pelo empate ou pode perder até por uma diferença de um gol.
O outro finalista sai do confronto Crato x Guarani de Juazeiro.
O primeiro jogo deles será amanhã, às três e meia da tarde, no Mirandão, no Crato e a partida da volta, na próxima quarta-feira (12), às três e meia da tarde, no Romeirão, em Juazeiro do Norte. 
O campeão da Taça Fares Lopes 2016 ganha vaga na Copa do Brasil 2017.

Amanhã pelo Cearensão Feminino

Domingo, 09/10/2016
 13:45  |  MVNxFortaleza-Moraisão 
 13:45  |  JuventusxFerroviário-CT Granja Tijuca 
 15:30  |  QuixeramobimxParacuru-Moraisão 
 15:30  |  São GonçaloxASESCA-CT Granja Tijuca

Hoje pelo Cearensão Sub-17

Sábado, 08/10/2016
 15:30  |  CearáxTiradentes-Franzé Morais 
 15:30  |  FerroviárioxFortaleza-CT Ribamar Bezerra 
 15:30  |  EstaçãoxGuarany (S)-Felipe Santiago 

'A Usina de Quixadá é Nossa'

O deputado federal Odorico Monteiro (Pros) encabeça a campanha "A Usina de Quixadá é Nossa", pela reativação da Usina de Biodiesel de Quixadá, que a Petrobras começa a desativar em primeiro de novembro próximo.
Ele lançou a campanha hoje, durante reunião no Comitê Central do prefeiturável Roberto Cláudio (PDT), em Fortaleza:
video

RC ganha adesão de PRB, PHS, Rede e parte do PT

O prefeiturável Roberto Cláudio (PDT) já conta com as adesões para o segundo turno do PRB (Ronaldo Martins), PHS (Tin Gomes), Rede (Dimas Oliveira) e PT (Camilo Santana).
video
Roberto Cláudio fala para o Blog sobre as adesões à campanha de returno em Fortaleza.

RC ganha apoio de Ronaldo Martins

Ronaldo Martins (PRB) anunciou, hoje, adesão à campanha de segundo turno de Roberto Cláudio (PDT) para prefeito de Fortaleza

sexta-feira, 7 de outubro de 2016

Ceará em Destaque

Informativo diário do Governo do Estado do Ceará                                Fortaleza, 07 de novembro de 2016
Edição Nº 232
GASTRONOMIA
Casa Ceará divulga culinária cearense no evento "Pitadas, Saberes e Sabores"

A cultura gastronômica e os produtos cearenses serão destaque na Casa Ceará, que estará presente no evento Pitadas, Saberes e Sabores - Edição Cariri, entre os dias 7 e 9 de outubro, em Juazeiro do Norte. Com programação nos três dias, a Casa vai contar com a participação de nove chefs que vão realizar oficinas com insumos típicos do Estado.
                                     
Leia mais>                                                                            Foto: Acervo  /  Governo do Ceará
MÊS DAS CRIANÇAS
ATENDIMENTO
ENEM 2016
FOTO DA SEMANA                     Foto: Marcos Studart / Governo do Ceará
Nesta sexa-feira (7), foi realizada, no Centro de Formação Olímpica (CFO), a abertura da Fase Estadual dos Jogos Escolares do Ceará – para alunos-atletas de 15 a 17 anos – com a participação de 27 delegações de todas as regiões do Estado. Na ocasião, o fotógrafo Marcos Studart registrou o momento que a tocha era carregada por um dos atletas.
+ Notícias do dia
Compartilhe nas redes sociais ou envie por e-mail.
Share
Tweet
Forward

São Luiz no Pitadas Cariri

No stand do Mercadinhos São Luiz no evento Pitadas, Saberes e Sabores, no Cariri, além da exposição e vendas de produtos gourmet, serão realizadas ações em parceria com a Nossa Fruta Brasil, fabricante de polpa de frutas cearense, com foco em alimentação saudável. O stand dos Mercadinhos São Luiz ficará na praça La Favorita.
Amanhã, às oito da noite, haverá uma preparação de sucos com receita feita por um mixologista e executada por Roberlânio Souza. No domingo (9), no mesmo horário, terá uma palestra com a nutricionista Evilla Rodrigues sobre alimentação mais saudável e a vantagem dos mix de sabores de suco da polpa de fruta. As apresentações serão coordenadas por Damiana Diógenes e Eduardo Guedes.

Fala PT

Comissão Executiva Nacional do Partido dos Trabalhadores, reunida em Brasília nesta quarta-feira (5), aprovou a seguinte resolução política:
1. A ofensiva desferida contra o PT pela mídia monopolizada e os aparatos da classe dominante, desde a Ação Penal 470 até as vésperas da eleição municipal, culminou com uma derrota profunda do campo democrático-popular, principalmente do nosso partido. E resultou num avanço conservador em todo o País.
2. É fundamental reconhecer, porém, ao iniciar nosso balanço – necessariamente detalhado, criterioso, sereno – que o duro revés estampado nos números deveu-se, também, a outros fatores, avultando entre eles nossos erros, cometidos antes e durante o processo eleitoral. Analisá-los e extrair lições para recuperar o terreno perdido é uma tarefa autocrítica, a começar pela direção partidária – que não se exime de suas responsabilidades – e abrir-se para o conjunto da militância.
3. Antes disso, vale ressaltar que o cenário negativo em que se realizaram as eleições municipais é produto, em grande medida, do movimento político iniciado após o pleito de 2014 quando os derrotados passaram a sabotar o governo e a empenhar-se na sua deposição.
4. O aprofundamento da crise econômica a partir de 2015, a criminalização do PT e a ação corrosiva da mídia monopolizada erodiram a base eleitoral progressista, provocando forte recuo da influência petista sobre administrações locais e legislativos municipais.
5. Apesar da resistência ao golpe institucional, especialmente antes da votação da admissibilidade do impeachment pelaCâmara dos Deputados no dia 17 de abril, o PT e a esquerda não conseguiram reconquistar o apoio, a confiança e a identidade da classe trabalhadora, dos pobres e dos setores médios, inconformados com o ajuste fiscal implementado pelo nosso governo.
6. As medidas então adotadas serviram de pretexto para que a classe dominante e os partidos conservadores impusessem a narrativa do estelionato eleitoral.
7. Mesmo afastado do governo desde maio, continuam a ser atribuídas ao PT, de forma direta ou indireta, as enormes dificuldades da economia, agravadas pelo programa ultraliberal, antinacional e antipopular aplicado pelo governo golpista. Basta ver a campanha veiculada agora pelo governo usurpador, com um slogan de duplo sentido e que deixa evidente, ademais, a intenção de liquidar o PT. Não tivemos sucesso, durante o primeiro turno, em construir uma contra-narrativa capaz de desmascarar o programa defendido pelas forças golpistas e associá-lo a seus projetos privatistas para as cidades.
8. Não conseguimos tampouco apresentar listas mais amplas de candidaturas a prefeito e vereador, o que já prenunciava uma redução numérica que, afinal, superou as expectativas mais pessimistas, sobretudo nas grandes cidades e em municípios que já governamos.
9. A “ reforma política” comandada pelo ex-deputado Eduardo Cunha, reduzindo o tempo de campanha e os programas tanto no rádio quanto na televisão, acabou por limitar nossas possibilidades de enfrentamento contra os partidos de direita.
10. Da mesma maneira, ao permitir autodoações sem teto para os candidatos e ao não fixar um limite nominal para as contribuições individuais, abriram-se brechas para a influência do poder econômico, dando mais razão à nossa defesa do financiamento público exclusivo das campanhas.
11. Também teve importante impacto, particularmente nos grandes centros urbanos, a escalada antipetista da Operação Lava Jato, que nos trinta dias anteriores às eleições desencadeou ofensivas fraudulentas, mas de ampla repercussão, contra o presidente Lula e ex-ministros de seu governo.
12. Em que pese a vitória sobre o campo democrático-popular, o bloco conservador sai do primeiro turno com divergências que podem se acentuar. Não é o caso de enumerá-las agora, mas é importante tirar proveito delas na campanha do segundo turno, sobretudo nas cidades onde candidaturas progressistas enfrentarão esquemas conservadores e da direita.
13. A Direção Nacional do PT orienta nossa militância a apoiar incondicionalmente as candidaturas do PSOL, do PCdoB, da Rede e do PDT nas capitais, bem como daqueles com quem já estivemos no primeiro turno. Além disso, sugere aos diretórios municipais que avaliem localmente a quem devemos negar apoio e voto.
14. Conclamamos a militância a cerrar fileiras em torno das sete candidaturas petistas neste segundo turno: Recife, Juiz de Fora, Santo André, Mauá, Vitória da Conquista, Santa Maria e Anápolis. É decisivo envidar esforços para unir o eleitorado democrático e popular, abrindo nossas campanhas para todos e todas que desejarem compartilhar dessa empreitada.
15. A CEN parabeniza todos os governadores e prefeitos, parlamentares e militantes, que travaram o bom combate nas condições mais adversas dos últimos anos. Cumprimenta todos os candidatos e candidatas, eleitos ou não, por aceitarem, com bravura, uma tarefa fundamental na defesa de nosso partido e do legado de nossos governos.
16. Sem minimizar o resultado desfavorável, encaramos a perda como uma batalha no processo de resistência democrática e de reorganização do PT e do campo popular. Da derrota, extrairemos lições que possibilitem reorientar nossa prática, a fim de recuperar a confiança política dos trabalhadores, da juventude, das mulheres, dos intelectuais, acumulando forças para retomar o projeto de transformação social que constitui nossa razão de ser.
17. É preciso, nesse momento, conjugar a mobilização na campanha eleitoral com o empenho de nossas bancadas na Câmara e no Senado de se mobilizarem com as bancadas de oposição para derrotarem a PEC 241, a PEC do arrocho, o PL doPré-Sal e a MP da reforma do ensino médio.
18. Ao lado do povo brasileiro, dos demais partidos progressistas e dos movimentos sociais, os petistas continuaremos, nas urnas e nas ruas, a lutar contra o governo usurpador e a retirada de direitos, em favor de eleições diretas já e pela reforma do sistema político.
Ousar lutar, ousar vencer!
Brasília, 5 de outubro de 2016
Comissão Executiva Nacional do PT

Seguidores

Arquivo do blog