quarta-feira, 12 de abril de 2017

CSP

Com o fim da fase de construção da Companhia Siderúrgica do Pecém-CSP e o início de suas operações, a Prefeitura de São Gonçalo do Amarante tomou algumas medidas para conter a redução dos empregos, que migraram da fase de construção para a fase de operação. Além da preocupação de manter a arrecadação de tributos no mesmo patamar de antes. 
A partir de um entendimento com a direção da CSP, o prefeito Cláudio Pinho encaminhou à Câmara Municipal um projeto de Lei que prevê a concessão de incentivo a fim de atrair empresas que farão parte da rede de fornecedores da CSP. O incentivo consiste na redução do ISS de 5% para 2% para novas empresas que se instalam no município e que fornecem para a CSP. O projeto já foi aprovado pela Câmara e sancionado. Empresas como White Martins, Phoenix, Magnesita e Vale-Pecém, estão aptas a se beneficiarem com a nova lei.

Nenhum comentário:

Seguidores

Arquivo do blog