segunda-feira, 29 de maio de 2017

FAN

O 6º Concertos Solidários – FAN tem programação para todas as idades. Vinte atrações culturais em dez dias de programação gratuita, evento de incentivo à produção e difusão da música instrumental em suas variações do erudito ao popular. Vai ser um diferencial!

Nesta edição, entrea presentações que alargam e extrapolam referências ao compositor, pianista, organista e regente cearense Alberto Nepomuceno (1864 – 1920), a transversalidade de linguagens artísticas também celebrados elos musicais em tessituras literárias, estéticas e outras composições,voltadas para formações artísticas e de platéias. Os músicos, além de inserirem no repertório composições de Nepomuceno, farão homenagens ao compositor cearense Belchior, incluindo canções dele nas apresentações. Projeto, via Lei Rouanet, tempatrocínio do Banco do Nordeste e do Grupo Marquise.

Ao contemplar os vários modos de ouvir, aprender, ensinar, fazer e ecoar música, o Festival Alberto Nepomuceno – FAN é instrumento de inclusão social e acessibilidade cultural na ocupação de espaços públicos coletivos, como igrejas, escolas públicas, bibliotecase ao alcançar as populações rurais cearenses. “A programação gratuita e aberta ao públicode todas as idades e camadas sociais, sem distinção de escolaridade ou de iniciação, reforça e amplia as integrações propostas nas cinco edições anteriores”, referenda Cris Queiroz, diretorado Festival pela Vagalume Produção Cultural e Comunicação.

A programação artística do FAN 2017 foca acervos artísticos e avança na formação de público e na irradiação da partilha de saberes e fazeres. Renata Sampaio, que também assina a direção do festival, destaca o compromisso do FAN em tornar suas atividades acessíveis para maiores públicos e públicos com necessidades específicas como disponibilização de aporte profissional para confecção de folders em Braille, interpretação em libras, audiodescrição e gente para facilitar o acesso e a acomodação de pessoas que têm necessidades especiais”, pontua.

Nos dias das apresentações, o Festival estimula ainda a arrecadação de materiais de limpeza para doação às instituições benemerentes. Nessa 6ª edição será contemplado o CAVIVER–Centrode Aperfeiçoamento Visual Ver a Esperança Renascer, ONG que trabalha com crianças socialmente desfavorecidas do Estado do Ceará com as principais causas de cegueira infantil.

Programação em três cidades e na zona rural

Toda a programação é gratuita. O 6º Festival Alberto Nepomuceno– FAN terá início em Fortaleza, às 15h30 do dia 02/06 (sexta-feira), no Museu da Fotografia Fortaleza com um papo regido pela jornalista Izabel Gurgel sobre “Livros, leituras e fotografia: música para os olhos”,tendo como convidados especiais alunos doInstituto Filippo Smaldone e público assistido pelo CAVIVER– Centro de Aperfeiçoamento Visual Ver a Esperança Renascer. Após a fala, o público segue em visitação ao acervo do local.

Ainda no dia 02/06, às 17h, o evento se desloca até o CentrCultural Banco do NordestFortaleza, no Centro, onde o público será recebido ao som do DJ Duda, colecionador de discos de vinil que promove agito festivocom set de brasilidades ereferências do universo eletrônico e digital, entre vertentes do trip-hop, downtempo e outros beats. Às 19h, inicia o show da banda “Fera Neném Into the Jungle Boogie” com o trio Lucas Santos (teclas, samples, efeitos e Beat), Caio Pascoal (guitarra) e João Emannuel (baixo),em misturas rítmicas da funk musicaos beats eletrônicos, passando pelo bluesreggaee até mesmo o brega.

No sábado 03/06, das 13h às 17h, o FAN 2017 prossegue pelo Centro da capital cearense com programação que ocupa o Plebeu Gabinete de Leitura, um lugar de liberdade da palavra, leitura pública e compartilhamento de idéias. Lá, Conversas Plebeias e leituras ritmadas pela DJ Renatinha (projeto Long Play) inicia com “Adelaide Gonçalves e sua casa de papel”, na qual a profª. dra. (História/UFC) fabula sobre o ano em que Alberto Nepomuceno nasceu, com citações a livros do acervo do Plebeu. Em seguida, sob o tema “Geme a cuíca nas crônicas de Rubem Braga”, a jornalista e escritora Ana Karla Dubiela desfia sobre as gingas presentes nos escritos do autor. A jornalista Izabel Gurgel fecha a tarde ao tecer acerca do tema “Labirinto sobre as águas: Nepomuceno em Ana em Veneza”, a partir do livro de João Silvério Trevisan.

Villa-Lobos para Criança no primeiro domingo do FAN

Aprimeira domingueira do 6º FAN, no dia 04/06 às1 7h, promove final de tarde na Praça Verde do Centro Dragão do Mar de Arte e Cultura ao som do espetáculo “Villa-Lobos para Criança” pelo Grupo “A Pessoa Bob”, encabeçado pelo músico Ayrton Pessoa Bob (acordeom e sintetizador), Jônatas Gaudêncio (clarinete) e Luis Gustavo Lima (violino e viola).

Atividades artísticas na zona rural de Canindé

Canindé é a próxima parada do Festival, que abre a semana às 10h do dia 05/06 (segunda-feira) levando o repertório do Grupo “A Pessoa Bob” no espetáculo “Horizonte Aparente” à Capela de São José, em assentamento na zona rural do município. Também na zona rural de Canindé, às 14h, a jornalista Izabel Gurgelversa sobre “Cirandas e Cantigas de Roda” para as presenças na Escola do Campo Patativa do Assaré, enquanto a DJ Renatinha pontua a fala com referências musicais (projeto PARATODOS).

De volta a Fortaleza no dia 06/06 (terça-feira) às 19h30, o 6º FAN programa para os alunos e às comunidades vizinhas da Escola Municipal Professor Godofredo de Castro Filho, no bairro Vicente Pinzón, a apresentação da Luthieria Ensemble, projeto musical da ONG Tapera das Artes, a partir de instrumentos fabricados com material reciclado, como cabaças e canos PVC. 

 

Juazeiro do Norte também ganha ecos do FAN 2017 na quinta-feira 08/06, com a banda “Fera Neném” noshow “Into the Jungle Boogie” no CentrCultural Banco do Nordeste Cariri, às 19h30.


De volta a Fortaleza, na sexta-feira 09/06 às 15h30, uma nova oportunidade de fluir entre “Livros, leituras e fotografia: música para os olhos” com a jornalista Izabel Gurgel, no Museu da Fotografia. A conversa aberta ao público traz alunos da Escola Pública Estadual Helenita Mota convidados pelo FAN, e tem seguimento com consultas às ilustrações referenciadas no bate papo, além de visitação à biblioteca e ao acervo do Museu. No cair da noite, às 19h30, um encontro de acervos motiva papos e trocas musicadas no evento “Alberto Nepomuceno em Serenata”, que junta o pesquisador Miguel Ângelo de Azevedo, criador do Acervo do Nirez, aos achados do colecionador Osmar Onofre, em seu arejado quintal de casa, na rua Barão de Aratanha, 835.  

No Sábado10/06 às 16h, na Escola Beneficente de Surf Titanzinho, o 6º FAN promove “Um Acordeom na Beira do Mar” com concerto de Jair Dantas, educador e único acordeonista canhoto brasileiro, que apresenta trabalho voltado para a música Erudita e Popular.

O último dia de atrações do 6º Concertos Solidários – FAN é intenso, e começa às 17h do domingo 11/06, no Museu de Arte Contemporânea – MAC (Centro Dragão do Mar de Arte e Culturacom a apresentação do Duo Glière de Cordas da UFC pela violinista Liu Man Ying e pela violoncelista Dora Utermohl de Queiroz, ambas professoras do curso de Licenciatura em Música do Instituto de Artes da Universidade Federal do Ceará. O Duo Glière faz homenagem ao violinista e compositor russo Reinhold Glière (que incorporou o uso da música folclórica da Rússia e de países vizinhos em suas composições) e traz no programa o Duo n.1 de Beethoven, entre as peças arranjadas para esta formação, caso de“Meditação de Thaís”, do compositor Massenet.

Às 18h30, a Arena Dragão (também no Centro Dragão do Mar) ganha os movimentos da Camerata de Cordas da UFC, sob direção das profªs. Dra. Liu Man Ying (violino e viola) e Ms. Dora Utermohl de Queiroz (violoncelo e contrabaixo), em que repercute repertório selecionado para o coletivo musical. Na sequência, o FAN recebe oGrupo de Violoncelos da UFC, composto por 22 alunos violoncelistas sob coordenação da profª Dora Utermohl de Queiroz, que compartilham saberes, o mesmo interesse e dedicação por um instrumento e pela música em concerto gratuito e aberto à comunidade com obras escritas especialmente para esta formação.

Último domingo do FAN tem concerto na Igreja da Piedade

Para o encerramento do 6º FAN, o Grupo Choro Jazz Trio, formado por Moacir Bedê (guitarra, flauta e bandolim), Fábio Amaral (Baixo acústico e elétrico) e André Benedect (Bateria) sobe ao altar da Igreja N. Sra. da Piedade, às 18h45, com reverberações multi-instrumentais e autorais, que vão do jazz, bossa nova, MPB, balada até o baião, entre belas harmonias e muita improvisação jazzística.

FAN tem o patrocínio do Banco do Nordeste e Grupo Marquise, via Lei Rouanet. Realização da Vagalume Produção Cultural e Comunicação e apoio da Universidade Federal do Ceará, Instituto de Cultura e Arte – ICA, Centro Dragão do Mar de Arte e Cultura, Secretaria de Cultura de Aquiraz e Museu da Fotografia de Fortaleza. 

Atendimento e informações para a Imprensa:
Kiko Bloc-Boris – (85) 98892.1195 – kikobb@gmail.com
Isabelle Vieira – (85) 98871.4139 – vieira.aisabelle@gmail.com

PROGRAMAÇÃO FESTIVAL ALBERTO NEPOMUCENO

DATA
HORA
ATRAÇÃO
LOCAL
02/06, sexta
Fortaleza

15h30
“Livros, leituras e fotografia: música para os olhos” com a jornalista Izabel Gurgel
Museu da Fotografia Fortaleza (R. Frederico Borges, 545 – Varjota)
17h
DJ Duda
CentrCultural Banco do NordesteFortaleza(R. Conde d'Eu, 560 – Centro)
19h
Show A Fera Neném Into the Jungle Boogie, com a banda A Fera Neném
CentrCultural Banco do NordesteFortaleza(Rua Conde d'Eu, 560 – Centro)
03/06, sábado
Fortaleza
13h
às 17h
Conversas Plebeias ao Som da DJ Renatinha (Projeto Long Play):

1864, o ano de nascimento de Alberto Nepomuceno, com a Professora Adelaide Gonçalves (História/UFC)

Geme a cuíca nas crônicas de Rubem Braga, com a escritora Ana Karla Dubiela

Labirinto sobre as águas: Nepomuceno em Ana em Veneza, livro de João Silvério Trevisan, com a jornalista Izabel Gurgel
Plebeu Gabinete de Leitura (Rua Floriano Peixoto, 735 – Centro / 5º andar, Sede da Associação Cearense de Imprensa)
04/06, domingo
Fortaleza
17h
Concerto Villa-Lobos para Criança, com grupo A Pessoa Bob
Praça Verde do Centro Dragão do Mar de Arte e Cultura
05/06, segunda
Canindé
10h
Concerto Horizonte Aparente, com grupo A Pessoa Bob
Capela de São José (Zona Rural de Canindé)
14h
Livros e Leitura ao Som da DJ Renatinha (Projeto Paratodos):

Cirandas e Cantigas de Roda, com a jornalista Izabel Gurgel.
Escola do Campo Patativa
do Assaré(Assentamento da Santana da Cal / Zona Rural de Canindé)
06/06, terça
Fortaleza
19h30
Aula-espetáculo com Luthieria Ensemble, da ONG Tapera das Artes (instrumentos feitos de cabaças e canos PVC)
Escola MunicipalGodofredo de Castro Filho(Av. José Sabóia, 905 – Vicente Pinzón)
08/06, quinta
Juazeiro do Norte
19h30 às 22h
Show A Fera Neném Into the Jungle Boogie, com a banda A Fera Neném
Centro Cultural Banco do Nordeste Cariri(Rua São Pedro, 337 – Centro)
09/06, sexta
Fortaleza

15h30
Livros, leituras e fotografia: música para os olhos, com a jornalista Izabel Gurgel
Museu da Fotografia
Fortaleza (Rua Frederico Borges, 545 – Varjota)
19h30
Alberto Nepomuceno em Serenata, Osmar Onofre recebe Nirez
Rua Barão de Aratanha, 835 – José Bonifácio / Quintal
10/06, sábado
Fortaleza
16h
Concerto Um Acordeom na Beira do Mar, com Jair Dantas
Escola Beneficente de Surf Titanzinho (Rua Pontamar, S/N – Cais do Porto)
11/06, domingo
Fortaleza
17h
Concerto com Duo Glière de Cordas da UFC
Museu de Arte Contemporânea- MAC do Centro Dragão do Mar de Arte e Cultura
18h30
Concerto com Camerata de Cordas e Grupo de Violoncelos, ambos da UFC
Arena Dragão do Centro Dragão do Mar de Arte e Cultura
18h45
Show com grupo Choro Jazz Trio

Igreja Nossa Senhora da Piedade (Rua Joaquim Tôrres, 185 – Joaquim Távora)


Nenhum comentário:

Seguidores

Arquivo do blog