Eleições 2016-Segurança

A Secretaria da Segurança Pública e Defesa Social (SSPDS) entregou, na sede do Tribunal Regional Eleitoral do Ceará (TRE-CE), o Plano de Segurança das Eleições Municipais 2016.
Compõem o plano informações relativas às atuações da SSPDS e das suas vinculadas – Polícia Militar, Polícia Civil e Corpo de Bombeiros, durante o primeiro turno do pleito municipal, que acontece no próximo domingo (dois de outubro).
O documento foi entregue pelo secretário adjunto da Segurança Pública e Defesa Social, coronel PM Lauro Prado, e pelo comandante geral da Polícia Militar, coronel Geovani Pinheiro da Silva, para o presidente do TER-CE, desembargador Abelardo Benevides Moraes.
Na ocasião, o secretário adjunto da SSPDS destacou a importância do funcionamento do Centro Integrado de Comando e Controle Regional (CICCR), sediado na SSPDS.
“A atuação em conjunto de forças estaduais, federais e municipais nos possibilita a tomada rápida de decisão, caso haja necessidade”, frisou Cel. Prado.
O Centro funcionará das sete da manhã do domingo até o encerramento das apurações das urnas. Estarão presentes no local representantes da SSPDS, Polícia Militar, Polícia Civil, Corpo de Bombeiros, Polícia Federal, Polícia Rodoviária Federal, Exército Brasileiro, Agência Brasileira de Inteligência (Abin), Autarquia Municipal de Trânsito, Serviços Públicos e Cidadania (AMC), Guarda Municipal de Fortaleza e Secretaria Municipal de Urbanismo e Meio Ambiente (Seuma).
O Estado Maior Especial da Polícia Militar (Emesp) também funcionará no CICCR das 18 horas da próxima sexta-feira (30 de setembro) até às 8 horas de segunda-feira (três de outubro).
Serão empregados diretamente na eleição cerca de 5.600 policiais militares em todo o Estado.
Em Fortaleza, serão 1.360 PMs;
Na Região Metropolitana de Fortaleza (RMF), 270;
No Interior, 3.970 militares.
A Polícia Militar utilizará 170 viaturas em Fortaleza, 80 na RMF e 350 no Interior.
O Corpo de Bombeiros Militar realizará o emprego de guarnições de combate a incêndio e socorros de urgência em postos avançados, bem como nas unidades operacionais da Capital, Região Metropolitana e Interior, se necessário.
Já a Polícia Civil atuará durante o pleito, em Fortaleza, por meio das delegacias plantonistas 2º DP, 7º DP, 9º DP, 11º DP, 12º DP, 30º DP e 34º DP, além das especializadas Delegacia da Criança e do Adolescente (DCA), Delegacia da Defesa da Mulher (DDM) e Divisão de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP).
Os crimes eleitorais serão encaminhados à Polícia Federal (PF).
Na Região Metropolitana de Fortaleza, além das delegacias plantonistas – Maracanaú, Caucaia e Eusébio, funcionarão extraordinariamente, no próximo domingo (dois de outubro), as Delegacias Metropolitanas de Aquiraz, Pacatuba, Guaiuba, Itaitinga, Maranguape, Pindoretama, Cascavel, São Gonçalo do Amarante, Horizonte, Pacajus e Chorozinho.
Já no Interior, tanto as Delegacias Regionais, quanto as Municipais, funcionarão no dia da eleição, com seus efetivos regulares e reforço proveniente da Capital.
O presidente do TRE-CE, desembargador Abelardo Benevides Moraes, afirmou que "a situação de segurança em todos os municípios vem sendo acompanhada de perto pelo tribunal em constantes conversas com as autoridades competentes do Estado e confiamos plenamente nas ações da Segurança Pública e do Comando da Polícia Militar, que sempre nos deram total apoio para que tenhamos eleições seguras e transparentes em todo o Ceará".
Também estiveram presentes na reunião a vice-presidente do TRE e corregedora regional eleitoral, desembargadora Nailde Pinheiro Nogueira, o presidente da Comissão de Segurança do tribunal, juiz Mauro Liberato, e o diretor geral, Hugo Pereira Filho.

Comentários