PF nas Eleições do Ceará

A Polícia Federal (PF) está atuando nas eleições cearenses. De ontem para hoje seis operações foram executadas em seis municípios pela PF no Estado, cumprindo 11 mandados de busca e apreensão e oito ordens de prisão.
As operações aconteceram em Fortaleza, Barbalha, Aquiraz, Parambu, Ipu e Milagres.
A PF não divulgou os nomes dos presos acusados, só que eles responderão por corrupção eleitoral e utilização de organização comercial de vendas, distribuição de mercadorias, prêmios e sorteios para propaganda ou aliciamento de eleitores. 
A pena prevista é detenção de seis meses a um ano e cassação do registro, caso o responsável seja candidato. 

Na madrugada de hoje, em Milagres, a PF apreendeu dinheiro e uma lista de nomes de possíveis eleitores. Houve a prisão de quatro homens com cédulas de R$ 50,00. Hoje de manhã, um mandado de busca e apreensão foi cumprido em Parambu e outros cinco em Ipu. Uma moto roubada, uma espingarda artesanal e diversos aparelhos celulares foram apreendidos.
Ontem, dois mandados de busca e apreensão foram cumpridos em Fortaleza, onde foi encontrada vasta quantidade de material de campanha irregular e dinheiro. Em outra operação em Fortaleza, houve flagrante de compras de votos por um candidato a vereador, com apreensão de dinheiro, remédios, santinhos e títulos. O candidato acabou sendo solto, depois de pagar fiança. 
Em Aquiraz, ontem, três mandados de busca e apreensão terminou no confisco de títulos eleitorais, na casa de um candidato a reeleição para Câmara da Vereadores. Ali não houve prisão.
Em Barbalha, a PF prendeu ontem três pessoas. Eles estavam na posse de diversos envelopes contendo R$ 50,00 a R$ 10000, totalizando quase R$ 50 mil, além de material do candidato a prefeito, Fernando Santana (PT). Os três estão recolhidos no presídio em Barbalha à disposição da Justiça Eleitoral.

Comentários