Luiz Miyagi vence Torneio Estadual ABGS de Golfe Sênior

Foto: Divulgação
Luiz Miyagi, do Arujá, venceu de ponta a ponta o 3º Torneio Sênior do Ceará, disputado sexta-feira (04) e sábado (05), no Aquiraz Riviera. A competição reuniu 44 jogadores de cinco estados – Ceará, São Paulo, Minas Gerais, Paraná e Rio Grande do Sul -, e firmou-se como uma das mais importantes do ranking nacional da Associação Brasileira de Golfe Sênior (ABGS). 
Miyagi foi o campeão scratch com 161 (80-81) tacadas, e oito de vantagem sobre Geraldo dos Santos Monteiro, do Aquiraz Riviera, vice-campeão geral com 169 (84-85), Antonio Zauli, do Poços de Caldas, ficou em terceiro, com 172 (86-86). Já na classificação por handicaps índex até 14, Zauli levou o troféu de campeão com 142 tacadas, seguido por Geraldo Monteiro, com 151, e Adalto Cantarin, de Poços, com 152.

Mais destaques – Na 14,1 a 23, o pódio foi comandado por Claudio Kiryla, do Graciosa, que somou 145 tacadas para superar José Sólon Oliveira, de Poços, nos critérios de desempate. Luiz Sardinha, da Academia GolfRange Campinas, terminou em terceiro, uma tacadas atrás. Já na 23,1 a 32, no sistema stableford, o cearense Antenor Naspolini, do Aquiraz, foi campeão com 65 pontos, seguido por Satoshi Kurita, do PL, com 62, e por René Wakil Júnior, do Morro do Chapéu, com 61. 
Entre os pré-seniores, que disputaram categoria única (até 32), Carlos Amagai, da Associação Esportiva São José venceu com 164 tacadas, contra 165 de Berg Batuira, de Poços. Houve ainda duas categorias de convidados, para não associados da ABGS. Na até 32, venceu Wilson Toyama, de São José, com 154, seguido por Yukio Akamine, do Arujá, com 157, e por Miguel Jimenez, do Aquiraz, com 160. Na 23,1 a 32, o pódio teve Pedro Bald, do Santa Cruz, com 68 pontos; Luciano Vidoti, de Londrina, com 65; e Francisco Nogueira Filho, do Aquiraz, com 51. 
Feminino – No feminino, Stela Miyagi, do Arujá, foi a campeã scratch, com 173 tacadas, enquanto Teresa Akamine, do Arujá, levava o título entre as de handicap índex até 25, com 162 tacadas. Na 25,1 a 32, no Sistema stableford, Elaine Barros, do Aquiraz, venceu com 57 pontos, seguida por Mary Iguchi, de São José, com 52, e por Neide Nakagawa, também de São José, com 46. 
O Aquiraz Riviera é o pioneiro do golfe no Ceará e tem reconhecimento internacional. Em 2017, além do Hotel Dom Pedro Laguna, que concorre ao tricampeonato como melhor hotel de golfe do Brasil, também o Campo de Golfe do Aquiraz Riviera foi indicado para concorrer ao título de melhor campo de golfe, ambas premiações do World Golf Awards, o “Oscar” do golfe.  A instituição premia iniciativas em 130 nações, nas áreas de turismo de golfe, cursos de classe mundial e destinos de golfe. 
O golfe voltou a ser esporte olímpico no Rio de Janeiro e possui tendência de crescimento no país. O campo de golfe do Aquiraz Riviera é do tipo golf links e possui 18 buracos. É composto por dois percursos de 9 buracos cada, denominados Dunes & Ocean Golf Course. Tem sido elogiado por todos que o conhecem e que o classificam como melhor do Brasil. 
O Clube de Golfe do Aquiraz Riviera, filiado à Federação Pernambucana de Golfe, congrega os amantes do esporte e promove competições a níveis regionais, nacionais e internacionais.

Comentários