Pular para o conteúdo principal

28º Cine Ceará discute produção audiovisual

Nesta segunda e terça-feira questões relacionadas ao mercado audiovisual são discutidas no 28º Cine Ceará - Festival Ibero-Americano de Cinema Como parte de sua programação, o II Seminário Descentralização da Produção Audiovisual no Centro-Oeste, Norte e Nordeste (CONNE) reúne gestores e profissionais visando alcançar uma melhor distribuição das produções de séries de TV e longas-metragens no Brasil, incrementando o setor nessas três regiões, por meio de políticas públicas.


O seminário acontece no Hotel Oásis Atlântico Fortaleza, nos dois dias até o final da tardes. Hoje 
a primeira mesa discutiu “As políticas de desenvolvimento da Ancine, MinC e SAv para as regiões CONNE – Garantias de uma Política de Continuidade e Ampliação” com a participação de Christian de Castro, diretor presidente da Ancine; Frederico Mascarenhas, secretário do Audiovisual; Wolney Oliveira, diretor regional CONNE - Nordeste; Henry Campos, reitor da UFC; Leanne Araújo Holanda, representante do Banco do Nordeste do Brasil (BNB); Fabiano Piúba, secretário de Cultura do Ceará; e Mauro Garcia, presidente executivo da BRAVI.

Às 14 horas o tema “O papel das instituições no desenvolvimento audiovisual” será abordado por Rodrigo Rafael de Medeiros Martins, presidente do SIAPAR e coordenador do FAMES; Leonardo Edde, produtor e sócio da Urca Filmes e presidente do SICAV; João Daniel Tikhomiroff, sócio-diretor da Mixer e presidente do SIAESP; Mauro Garcia, presidente executivo da BRAVI; e Paulo Schmidt, produtor e sócio da Academia de Filmes e presidente da APRO. Às 16 horas, representantes da CONNE de diversos estados se reúnem tendo como pauta o Triênio 2018, 2019 e 2020.

Na terça-feira (sete), “Políticas estaduais para o Desenvolvimento Regional do Audiovisual CONNE” serão discutidas na mesa das nove horas, com a participação de Doug de Paula, da Câmara Setorial do Audiovisual; Daniela Fernandes, diretora de Audiovisual da Fundação Cultural do Estado da Bahia; Ricardo Cesar Pecorari, secretário de Políticas de Financiamento da Ancine; e, como mediadora, Carla Francine, representante CONNE de Pernambuco.



Ainda pela manhã, às 11 horas, os participantes do Seminário conversam sobre o “Programa Ceará Filmes: Desafios e Perspectivas”, mesa que terá como participantes Alfredo Manevy; Fabiano Piúba, secretário de Cultura do Ceará; Paulo Linhares, presidente do Instituto Dragão do Mar; Ricardo Cesar Pecorari, secretário de Políticas de Financiamento da Ancine; e o cineasta Wolney Oliveira como mediador.

Encerrando a programação, mais duas mesas são formadas à tarde. Às 14h30, Alfredo Bertini, diretor de Mercado e Seminários de Pernambuco; Gabriel Pires, coordenador do NordesteLAB; Wolney Oliveira, que é diretor do Mercado Audiovisual do Nordeste (MAN); Leanne Araújo Holanda, representante do BNB; e o mediador Doug de Paula da Câmara Setorial do Comércio discutem sobre “Os eventos de mercado como forma de desenvolver o audiovisual no Nordeste”.

O último tema é “Formação Audiovisual – Atualidades e Perspectivas”, em mesa composta por Bete Jaguaribe, diretora do Porto Iracema das Artes e coordenadora do Curso de Cinema e Audiovisual da Unifor; Kennya Mendes, coordenadora do Curso de Audiovisual da Vila das Artes; Samantha Capdeville, coordenadora do curso de Cinema e Audiovisual (ICA) da UFC; Daniela Pfeiffer, diretora do CTAv; e o cineasta Glauber Filho como mediador.

MOSTRAS COMPETITIVAS - Nesta segunda e terça-feira, às 14h30 no Cinema do Dragão e 19h30 no Cineteatro São Luiz, continuam, respectivamente, as mostras Olhar do Ceará e Competitivas de Curta e Longa-metragem. 

Na segunda-feira, será exibido o longa espanhol “Petra”, de Jaime Rosales, inédito no Brasil. Na terça, acontece a première mundial do documentário brasileiro “Eduardo Galeano Vagamundo”, de Felipe Nepomuceno, e a estreia no Brasil da ficção colombiana “Amália, a secretária”, de Andrés Burgos (foto Divulgação). A programação completa pode ser conferida no www.cineceara.com.

O 28º Cine Ceará acontece até sábado (11), numa promoção da Universidade Federal do Ceará (UFC), através da Casa Amarela Eusélio Oliveira, com apoio do Governo do Estado do Ceará, por meio da Secretaria da Cultura (Lei Estadual 13.811), do Ministério da Cultura, via Secretaria do Audiovisual, da Agência Nacional do Cinema (Ancine), do Banco Regional de Desenvolvimento do Extremo Sul (BRDE), do Fundo Setorial do Audiovisual (FSA) e Prefeitura Municipal de Fortaleza, através da Secultfor. A realização é da Associação Cultural Cine Ceará e Bucanero Filmes. Patrocínio: SP Combustíveis, M. Dias Branco, Banco do Nordeste, Café Santa Clara e Indaiá. Agradecimentos: Enel e Oi.

Leia também:

Comentários

Mais lidas da semana

Colégio Estadual Liceu do Ceará completa 173 anos de fundação

O Colégio Estadual Liceu do Ceará completa nesta sexta-feira (19), 173 anos de fundação.



As atividades do Liceu começaram em 19 de outubro de 1845, com 98 matrículas, sob direção de Thomaz Pompeu de Sousa Brasil (Senador Pompeu).
O curso secundário tinha duração de seis anos e as aulas eram ministradas nas próprias casas dos professores.
Somente em 1894, no governo do coronel Bezerril Fontenelle, foi inaugurada a primeira sede própria, na Praça dos Voluntários, no Centro de Fortaleza.
Desde 1937 a sede mudou para Praça Gustavo Barroso, na Jacarecanga.

No início foram ministradas aulas de Filosofia Racional e Moral, Retórica e Poética, Aritmética, Geometria, Trigonometria, Geografia, História, Latim, Francês e Inglês aos seus 98 alunos matriculados.

Leia também:
Bicentenário do Senador Pompeu, o senador do Império

Meninas com câncer realizam hoje sonho da festa de 15 anos à beira mar

Nesta terça-feira, dia 15 de agosto, às 16h30, a barraca Gran Royal, na Praia do Futuro, em Fortaleza, será palco de uma festa especial. Jovens com câncer atendidas pela Associação Peter Pan comemorarão seus quinze anos com toda a pompa e circunstância que a ocasião requer. A ação voluntária é uma iniciativa da Liven Eventos, empresa especializada na realização de festas temáticas personalizadas, que por meio do Projeto Essência reúne dezenas de profissionais do mercado cearense para realizar o sonho das debutantes atendidas pela Associação Peter Pan.

Morre radialista Marco Antônio Júnior

O radialista Elvis Marlon Dumbo informa a morte nesta segunda-feira (15) do radialista Marco Antônio Júnior (foto álbum de família), ex-Rádio Verdes Mares FM 93:

"O dia amanheceu mais triste, pela partida do meu amigo e colega, Marco Antonio Junior, (FM 93) um dos grandes comunicadores do rádio cearense e um dos mais queridos. O 'Marquinhos' como era chamado sofria de problemas cardíacos e chegou a sofrer um AVC há tempos atrás. Hoje pela madrugada o seu coração veio pregar essa peça na vida dessa família que esse ano já perdeu o 'Fonsequinha Porto'. Vá em paz meu querido. Fica aqui a lembrança de um amigo sincero e bom companheiro!".

Porto Iracema das Artes: cineasta João Moreira Salles realiza minicurso

Um dos mais reconhecidos diretores de não-ficção do Brasil, João Moreira Salles estará na escola Porto Iracema das Artes entre os dias 05 e 08 de novembro para ministrar o minicurso “O que é um documentário?”. A formação, que é inteiramente gratuita e contará com 60 vagas, acontecerá de 15h às 18h30min, no auditório da Escola. Entre os pré-requisitos, é preciso ter idade mínima de 18 anos e ser estudante de cinema ou realizador de audiovisual. As inscrições iniciam nesta quinta-feira (18) e seguem até 25 de outubro no site do Porto (http://www.portoiracemadasartes.org.br/inscricoes/).

Para tentar responder à pergunta “O que é um documentário?”, João Moeira Salles percorrerá parte da bibliografia sobre cinema não-ficcional para tratar das definições clássicas do gênero e explicar por que nenhuma delas satisfaz o diretor de No Intenso Agora (2017). A ideia é refletir junto com os participantes do curso o critério proposto por ele para identificar o que distingue o documentário do cinema …

Fortaleza Esporte Clube festeja 1º Centenário nesta quinta-feira

O Fortaleza Esporte Clube (FEC) completa nesta quarta-feira (18), 100 anos de fundação.

Fundado em 18 de outubro de 1918, na Rua Barão do Rio Branco, entre ruas Pedro I e Pedro Pereira, no Centro de Fortaleza, por Alcides Santos e um grupo de seis amigos, o FEC está prestes a comemorar o primeiro centenário com o acesso à Série A (Primeirona) do Brasileirão 2019.

Um dos primeiros times a homenagear o FEC no seu Primeiro Centenário foi o Ceará Sporting Cluve, que através de suas redes sociais (facebook, twitter e instagram) publicou:

"Parabéns, Fortaleza EC, pelos 100 anos de fundação. Que a rivalidade fique dentro de campo e que fora dele prevaleça sempre a paz."


O presidente da Federação Cearense de Futebol (FCF), Mauro Carmélio, publicou mensagem pelos 100 anos do Fortaleza:



O governador reeleito do Ceará, Camilo Santana (PT) parabenizou o Fortaleza pelo primeiro centenário:
"Parabenizo ao Fortaleza Esporte Clube pelo seu centenário, comemorado neste 18 de outubro. Dono de …